14/08/2014 - Riva relembra intercambio de experiência com Eduardo Campos e suspende agenda

A exemplo dos outros candidatos ao Governo de Mato Grosso, José Riva (PSD), suspendeu sua agenda oficial de campanha eleitoral em luto devido a morte do presidenciável Eduardo Campos (PSB). Em nota oficial, ele lembrou a ocasião em que conheceu pessoalmente o ex-governador de Pernambuco e destacou a gestão eficiente e moderna aplicada pelo socialista no estado do Nordeste.

Em 2013, Riva e demais deputados estiveram em Pernambuco para conhecer o modelo de gestão do então governador Eduardo Campos. A reunião com o governador e parlamentares foi fundamental para conhecer os modelos de gestão eficientes para, posteriormente, ser desenvolvida a Lei de Eficiência Pública, de autoria de Riva.

O presidenciável Eduardo Campos (PSB-PE ) morreu na manhã desta quarta-feira após sofrer um acidente aéreo em Santos. A campanha do candidato ficou apreensiva com a perda de contato com o jato em que estava o político, que iria para um compromisso em evento na cidade de Santos chamado SantosExport. 

A aeronave em que viajava do Rio para Guarujá perdeu contato com controle aéreo. O avião, um Cessna 560 XL, prefixo PR-AFA, deixou o aeroporto do Santos Dumont às 9h20m com destino a Santos. Carlos Siqueira, primeiro secretário do PSB, deu a primeira declaração oficial de que Campos estava a bordo do avião que caiu.

Veja abaixo a nota na íntegra de José Riva:

O candidato a governador de Mato Grosso José Riva (PSD) lamentou, há pouco, a morte do ex-governador de Pernambuco e candidato à presidência, Eduardo Campos (PSB), em acidente aéreo na manhã desta quarta-feira (13), em Santos (SP).

Em função da morte de Campos, José Riva cancelou sua agenda de campanha desta quarta-feira. Segundo Riva, o Brasil perde um grande líder político. “Com certeza o processo eleitoral de sucessão da Presidência da República ficará mais pobre com a ausência de Campos”, afirmou. 

Riva informou que teve a oportunidade de conhecer o ex-governador e conversar sobre diversas ações eficientes praticadas em Pernambuco durante a gestão do candidato a presidente. “Eduardo Campos era um gestor sério e comprometido com a eficiência das ações governamentais”, disse.


Em 2013, Riva e demais deputados estiveram em Pernambuco para conhecer o modelo de gestão do então governador Eduardo Campos. A reunião com o governador e parlamentares foi fundamental para conhecer os modelos de gestão eficientes para, posteriormente, ser desenvolvida a Lei de Eficiência Pública, de autoria de Riva.

 

 

Da Redação - Jardel P. Arruda

Comentários

Data: 14/08/2014

De: uti

Assunto: neo

estou morrendo de rir com essa Lei de Eficiencia Publica do Riva. Vai ver que um dos artigos dela é gastar 216 litros de gasolina por dia enquanto for presidente da assembleia legislativa.

Novo comentário