14/09/2016 - Em MT, 219 agências bancárias estão de portas fechadas há uma semana

14/09/2016 - Em MT, 219 agências bancárias estão de portas fechadas há uma semana

A greve dos bancários fechou as portas de 219 agências bancárias em 84 municípios do estado, segundo o Sindicato dos Bancários de Mato Grosso (Seeb-MT). O atendimento ao público está suspenso há exatamente uma semana.

A categoria paralisou as atividades no dia 6 de setembro para cobrar o reajuste salarial de 14,78%, além de melhores condições de trabalho e investimento em segurança. Na sexta-feira (9), os trabalhadores rejeitaram a proposta de 7% da Federação Nacional dos Bancos (Fenaban) e mantiveram a greve.

Segundo o diretor do Instituto Brasileiro de Estudo e Defesa das Relações de Consumo (Ibedec) em Mato Grosso, Antônio Carlos Tavares de Mello, a greve afeta principalmente os usuários que não sabem lidar com a tecnologia do caixa eletrônico ou do internet banking.

 

“Várias operações são difíceis de serem realizadas. Quem está sendo mais afetado é justamente quem não sabe lidar com essas tecnologias, são geralmente idosos, pessoas de classe mais baixa”, explicou.

Além disso, segundo Mello, as filas nos terminais de autoatendimento estão grandes. Ele relatou que precisou realizar uma operação em um caixa eletrônico. Dos quatro disponíveis, dois estavam sem papel, um desligado e outro em manutenção. “Desse jeito, o consumidor não consegue efetuar seus pagamentos ou outras transações e fica no prejuízo”, afirmou.

O Ibedec orienta os usuários a entrarem em contato com o banco para negociar o pagamento da fatura. Quando a negociação não é possível, o órgão passa a intervir. “Nós enviamos requerimentos às agências para adiar os pagamentos dos consumidores, principalmente idosos”, disse Mello.

Greve

A greve não tem prazo para terminar. A categoria pede vale-alimentação, 13ª cesta básicae auxílio-creche/babá no valor de R$ 880 ao mês para cada (salário-mínimo nacional), melhores condições de trabalho, com o fim das metas abusivas e do assédio moral.

De acordo com Teixeira, os usuários não estão sendo prejudicados, porque os canais alternativos, como lotéricas e o autoatendimento diminuem os impactos da greve. Atualmente, conforme o sindicato, Mato Grosso tem 4,2 mil bancários em mais de 300 agências.

 

 

 

 

André Souza Do G1 MT

Comentários

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário