15/04/2011 - 12h:07 João Madureira: "Lugar de político ladrão é no inferno"

Ex-prefeito interino diz que vereador tem que trabalhar, e não roubar; ele ameaça voltar à Prefeitura

Ao entregar o comando da Prefeitura para o vice-prefeito Tião da Zaeli (PR), no início da tarde desta quinta-feira (14), o vereador licenciado João Madureira (PSC), fez declarações graves contra seus colegas. Ele, inclusive, insinuou que a maioria dos vereadores da cidade é mal-intencionada.

"Os vereadores têm que trabalhar, criar vergonha na cara. É isso que tem que fazer. Tem que parar de ladainha, parar de roubar, parar de tudo. Lugar de ladrão é na cadeia, no inferno. Eu quero trabalhar e os vereadores têm que trabalhar. E se tiver ladrão, vai pro pau comigo, não tem conversa não", desabafou Madureira, durante entrevista.

Questionado se as declarações dele não seriam graves, Madureira disse que não é político que leva as polêmicas na "barriga". "Na hora que tem que falar, tem que falar. Não pode ter ninguém 'pegando' [roubando] do município, que é o mesmo que pegar dinheiro do povo. Se eu ver (sic) que tem vereador que está para roubar, estou aqui para derrubar", disparou.

João Madureira deixou claro que, se o desempenho de Tião da Zaeli não for a contento, frente à gestão municipal, ele retomará o comando da prefeitura. "Quero estar junto com o Tião e tenho certeza que ele vai trabalhar, porque se ele ou o Murilo não trabalharem, eu venho para cá [Prefeitura] de novo e tomo posse", declarou.

O parlamentar afirmou que irá retomar a presidência da Câmara e convocará uma reunião para conversar com todos os vereadores. Ele afirmou que pretende agilizar o rito oficial para a posse de Tião da Zaeli, no comando da prefeitura e seu retorno à Câmara.

"Vou a Câmara ver como vai ficar essa situação da posse", disse.

 

BRUNO GARCIA
DA REDAÇÃO