15/05/2015 - Governo anuncia conclusão de dez obras até dezembro

O Governo do Estado anunciou a conclusão, até o fim deste ano, de dez obras que tinham como previsão inicial serem entregues antes da Copa do Mundo de 2014, em Cuiabá.

O cronograma foi definido pela Secretaria de Estado de Cidades (Secid) na quarta-feira (13). A pasta é a responsável por dar andamento as obras paralisadas na gestão passada.

Segundo a Secid, o cronograma ainda prevê a conclusão de mais quatros projetos em 2016, somando assim, um total de 14 obras em dois anos.

Inicialmente, deve ser liberado um valor de R$ 50 milhões para o retorno dos serviços. A retomada das obras está prevista para julho. 

Cronograma

Entre as obras que serão finalizadas neste ano estão a duplicação da Estrada da Guarita, da Rodovia Mário Andreazza e da Estrada do Moinho. 

O cronograma abrange, ainda, a conclusão das obras de contenção do Morro do Despraiado - que passou a oferecer riscos após a entrega da obra do viaduto do Despraiado -, do Complexo Viário do Tijucal, do Viaduto da Avenida da FEB e das trincheiras Jurumirim e Santa Rosa.

A finalização da reestruturação asfáltica de algumas vias do entorno da Arena Pantanal e a implantação do sistema de iluminação de alguns trechos das obras em Cuiabá e Várzea Grande também estão previstos no cronograma.

Segundo a Secid, o sistema de iluminação compreende os seguintes locais: entrada da Rodovia dos Imigrantes até o trevo do Tijucal; viaduto do Despraiado; trincheiras Jurumirim, Verdão e Círiaco Cândia e Avenida Miguel Sutil até o entroncamento da Avenida Dom Orlando Chaves, em Várzea Grande.

Já para 2016, está previsto o retorno das obras da Avenida 8 de Abril, a construção da Via Parque do Barbado e os Centros Oficiais de Treinamentos (COTs) da Barra do Pari e da Universidade Federal do Estado de Mato Grosso (UFMT). 

VLT e Arena Pantanal 

Conforme a Secid, nesse primeiro pacote não estão previstos os términos das obras do Veículo Leve Sobre os Trilhos (VLT) e da Arena Pantanal.

Conforme já anunciado, as obras do novo modal de transporte devem ser conclusas apenas em 2018, segundo o cronograma entregue ao Governo do Estado, no último dia 7, pelo Consórcio VLT Cuiabá-Várzea Grande, responsável pelas obras.

Iniciada em 2012, a obra inicialmente orçada em R$ 1,477 bilhão - dos quais R$ 1,066 bilhão já foram pagos -, poderá receber mais R$ 400 milhões para ficar pronta, caso o pedido do Consórcio seja aceito pelo Estado.

 

 

 

Thaiza Assunção 

Da Redação

Comentários

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário