16/05/2015 - MISSÃO INTERNACIONAL: Governador faz avaliação positiva da viagem aos EUA

De volta a Mato Grosso, o governador Pedro Taques fez um balanço de sua primeira viagem oficial aos Estados Unidos. O chefe do Executivo contou que participou de diversas reuniões cujo foco principal foi a busca de novos recursos para a infraestrutura de Mato Grosso.

O governador contou que na segunda-feira (11.05) foi a Organização Internacional do Trabalho (OIT) buscar uma parceria contra o trabalho escravo e outras questões ligadas com a secretaria de Trabalho e Assistência Social (Setas).

Conforme o governador, um dos primeiros compromissos da comitiva do governo do Estado foi no Banco Mundial. “Fomos recebidos pela diretoria brasileira do Banco Mundial, que abriu perspectiva de recursos para o Estado voltados para a infraestrutura”, disse.

Entretanto, Taques assegurou que antes é preciso assegurar que algumas coisas. “Primeiro temos que organizar a administração pública, o que já estamos fazendo com a reforma administrativa, pensar um novo sistema tributário, o que a secretaria de Fazenda já faz e conversar um pouco sobre incentivos fiscais, isso o secretário de Desenvolvimento Econômico, Seneri Paludo, já faz também”, afirmou.

O governador participou de reunião no Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), oportunidade em que falou sobre gestão. “O BID tem linhas de crédito para a gestão pública, para organizar à máquina, um exemplo disso é o ‘Pró-Fisco’ na secretaria de Fazenda. Mas, ao lado disso, o BID também tem recursos para a infraestrutura, estamos fazendo o dever de casa para busca-los”, contou.

Taques avalia que a viagem foi produtiva porque abriu às portas do Estado aos investidores. “Qual o saldo da nossa viagem a Washington? Abrimos caminho para que Mato Grosso possa receber recursos internacionais. Não adianta ficarmos chorando que não existe recurso, temos que ir atrás e é isso que estamos fazendo”, resumiu.

Em Nova Iorque, Taques conta que participou de um almoço na casa do representante do fundo Pegasus e outros 20 empresários. Na ocasião, o chefe do Executivo teve a oportunidade de dizer aos investidores quais ações estava desenvolvendo em Mato Grosso. Neste almoço, Taques estava acompanhado do presidente da Assembleia Legislativa, deputado Guilherme Maluf e do deputado federal Nilson Leitão. “Mostramos aos investidores de saúde pública, educação, comunicação e hotelaria, a possibilidade de investimento em Mato Grosso”, destacou o governador.

O chefe do Executivo contou ainda que concedeu uma entrevista à Universidade de Columbia, uma das mais antigas dos Estados Unidos, em um programa sobre líderes globais. “Falamos sobre a inserção de Mato Grosso no cenário mundial”, afirmou Taques.

O governador também participou da festa da Câmara de Comércio Brasil-Estados Unidos que homenageou os ex-presidentes Bill Clinton (Estados Unidos) e Fernando Henrique Cardoso. “Ali tinham mais de 700 empresários brasileiros e americanos. Tivemos a honra, ao lado dos governadores Geraldo Alckmin (São Paulo) e Marconi Perilo (Goiás), de compor a mesa do evento”, disse.

Na quarta-feira (13.05) o governador contou que teve uma reunião junto a fundação do ex-presidente Bill Clinton na busca por investimento em Mato Grosso. Em seguida, Taques contou que participou do Lide Business Meeting, mostrando as potencialidades de Mato Grosso.

“É importante dizer que estamos fazendo, os estados de São Paulo e Goiás já fazem, mostrar aos investidores do mundo todos as potencialidades. A partir de agora, nós continuaremos a fazer isso, foram três dias intensos”, finalizou.

 

 

 

 

Comentários

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário