15/07/2011 – 09h:50 Quadrilha que roubou joalheria em Paranatinga planejava roubar Agência Bancária

15/07/2011 – 09h:50  Quadrilha que roubou joalheria em Paranatinga planejava roubar Agência Bancária

Com a desarticulação da quadrilha que roubou uma joalheria no município de Paranatinga (373 km ao sul) na terça-feira (12.07), a Polícia Judiciária Civil conseguiu impedir a ação dos presos que planejavam roubar a agência do Banco Sicred, localizada na Comunidade de Água Limpa.  A quadrilha vinha sendo monitorada pelos investigadores que conseguiram prender todos os envolvidos evitando outro ataque. A ação foi batizada de “Operação Cangaço”. 

Segundo o delegado, Marcos Ferreira, os cinco homens presos após assaltarem a joalheria, estariam organizando outro roubo, dessa vez, a uma agência bancária. “Em depoimento eles confessaram que de posse de quatro armas de fogo, sendo duas espingardas, uma pistola 380 e um revolver de calibre 38, iriam invadir o banco”, enfatiza.

Entenda o caso

 

A Polícia Judiciária Civil de Paranatinga (373 km ao Sul) prendeu em flagrante, cinco pessoas suspeitas de roubarem uma joalheria na terça-feira (12.07) na cidade. Após o crime, os assaltantes fugiram em uma motocicleta TITAN 150 de cor vermelha.

 

Foram presos, Wuelinton Fernandes Guimarães, 19, e Wellinton Rauf Nogueira Gomes, 22 anos, quando tentavam sair da cidade em uma van que seguia para Rondonópolis. Com eles a polícia recuperou dois relógios roubados e cerca de 200 gramas de jóias. Paulo Sérgio dos Santos Nogueira 22 anos, com ele a polícia localizou 25 relógios roubados, uma arma de fogo calibre 38 com quatro munições e a motocicleta Titan usada no roubo. Vandir Valência de França, 23, e Elder Caetano dos Santos, 25 anos, que estavam em posse de uma pistola IMBEL, calibre 380.

 

Assessoria/PJC-MT

Comentários

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário