15/09/2014 - Selo do Sim recebe sinal Verde e Escolas Respiram Aliviadas

Na noite de sexta-feira, 12 de setembro de 2014, com a presença e participação de toda a Comunidade Escolar estadual de São Félix do Araguaia (servidores, pais e alunos), a Câmara Municipal de Vereadores aprovou por unanimidade, em primeira instância, o projeto de criação do selo do SIM (Serviço de Inspeção Municipal) o qual permitirá às escolas estaduais, particulares e municipais adquirir os produtos de origem animal e também vegetal produzidos no próprio município. Dessa maneira, estará garantida a boa qualidade dos produtos alimentícios que são ofertados aos alunos que freqüentam as unidades escolares.

O presidente da Câmara, Eurípedes Tavares colocou em votação o projeto, e os vereadores, à viva voz, votaram pela aprovação. Apenas o vereador Domingos Goes estava ausente, mas justifica pelo fato de que o edil estava acompanhando um irmão que foi fazer tratamento de saúde fora do município. “Teremos uma sessão extraordinária para finalizar essa aprovação que é a vontade de todos”, afirmou o presidente Tavares, ao ser argüido pelo vereador Sílvio Bento Leal.

 

É uma luta intensa que estava sendo articulada pelos gestores e todos os servidores das escolas de São Félix do Araguaia, para que os produtos alimentícios tivessem sua manipulação, embalação e os abates de animais devidamente inspecionados e aprovados pelo poder municipal. “Não dá para admitir que o açougueiro abata uma rês com febre, mancando ou outro sintoma qualquer que venha a refletir na saúde das crianças”, argumentou Márcia Adriana, coordenadora pedagógica da Escola Estadual Severiano Neves.

 

A luta pela regularização da oferta e venda de produtos alimentícios para as escolas já vinha sendo efetivada por todos os interessados da área de Educação. “Entretanto, isso refletirá também em nossa a sociedade, que passará a consumir produtos e alimentos devidamente inspecionados e aprovados pela Secretaria de Agricultura do município”, enfatizou José Jesus Cabral, que está participando de um curso em Cuiabá, mas acompanhando atentamente os acontecimentos na unidade escolar onde é diretor.

 

A presença da juventude estudantil foi um marco importante na história da Câmara de vereadores de São Félix do Araguaia, ao ponto do presidente Eurípedes Tavares propor que outras sessões de grande vulto tenham a participação dessa juventude das escolas estaduais, particulares e municipais.

 

Como disse um palestrante e munícipe, conhecido pelo apelido de “Ligeirinho”: “Isso tudo é da nossa conta sim, senhor! Somos cidadãos e o que acontece ou deixa de acontecer é de nosso interesse e temos que lutar por nossas melhorias”.

 

 

Redação: Sergildo Ribeiro Gonzaga.

Fotografias: Jornal O Repórter do Araguaia  (Vanessa Lima)

 

Comentários

Data: 18/09/2014

De: cidadã

Assunto: solicitação

Se todos vereadores fosse observadores, questionadores e críticos!! A cidade não estava escura principalmente em frente a Escola Hilda Rocha e Câmara municipal,eu tinha certeza que as ruas do centro já estava asfaltadas, remédios na farmácia para a população!! A população procura a câmara de vereadores quando os vereadores soluciona os problemas de interesse a população. Mas, infelizmente a Câmara de vereadores de São Félix ainda se sente sozinha. Porque será!!

Data: 18/09/2014

De: ADMINISTRAÇÃO RUIM

Assunto: Re:solicitação

Alguns vereadores tem feito seu papel de fiscalizar e requerer benfeitorias e pedidos de indicações e requerimentos ao Poder Executivo. Infelizmente não sendo atendidos pelo Poder Executivo.

Na sessão anterior, foi explicado por um vereador que quem executa, ordena despesas, paga a obras realizadas não é nem a Câmara e nem os vereadores.

Correto o vereador.

Essa obrigação é do Poder Executivo através do Prefeito, que infelizmente não tem uma boa relação com Câmara Municipal, PROMETEU demais, não consegue cumprir com as minimas coisas, como deixar a saúde em condições de atender os cidadãos, iniciar e concluir uma obra, ( a única que concluiu até agora foi iniciada pelo gestor anterior), resolver o problema de falta d"agua na vila alta, acabar com o desperdício e a vergonhosa água a céu aberto no DAE, pagar em dia o transporte escolar.

Data: 16/09/2014

De: Lago Verde

Assunto: São Félix

Extremamente importante este projeto, ter esse selo e acima de tudo o produto ser de qualidade e que se respeitem o preso do pregão, porque ganham e depois vão vender com preso da pratilheira.
E quanto a água do DAE, ninguém fala mais já resolveram o problema acho que não porque água derrama toda tarde pobre do povo que mora ali próximo.
Parabéns Ligeirinho pela pontuações nas sessões se mais cidadãos tivem essa postura sua nossa querida cidade teria outro destino, continue desta forma.
Forte Abraço

Data: 16/09/2014

De: MARILÚCIA

Assunto: São Félix

É mesmo eu estva lá e vi que tinha um projeto do uso do carro da câmara e não está não matéria.
Por Quê Vanessa.

É importante pro povo saber como está sendo usado o bem público

Data: 16/09/2014

De: jm

Assunto: tavares

essesmesmoms q estão te crtcando tavares, são os q vc defende, pensando q tem o voto deles, enquanto isso os q votavam em vc
desistem pela tua burrada

Data: 15/09/2014

De: Revoltado II

Assunto: s

Quero ver mesmo, é a distribuição de água ao coitados do morro e iraque!! que desrespeito a população...ao invés de ficar só andando de carro seu TAVARES verifique isso tmb!! em peso!!

Data: 15/09/2014

De: atento a cessão

Assunto: camera

parece que colocaro um projeto do negocio do uso do carro da camera pelo tavares e num ta na materia.

Porqui sera?

A pregunta fica...

Novo comentário