15/10/2013 - PF confirma 16 pressos e três aviões apreendidos na operação Touro Branco

Dezesseis pessoas presas e três aviões apreendidos, sendo dois em Mato Grosso e um no Pará. Este é o saldo da Operação Touro Branco deflagrada na manhã desta terça-feira em dez cidades de Mato Grosso e em outros quatro estados contra o tráfico internacional de entorpecentes contra bandidos que atuam na fronteira entre o Brasil e a Bolívia..

 
Foram expedidos 17 mandados de prisão preventiva, três mandados de prisão temporária e 20 mandados de busca e apreensão. A Justiça de Cáceres (MT), cidade em que tramitou o inquérito policial, determinou ainda o bloqueio de bens das pessoas investigadas pela operação.
 
Segundo a Polícia Federal em Cuiabá, quatro marginais continuam foragidos, sendo três deles na região da Bolívia. As apreensões dos aviões, todos de pequeno porte aconteceram em Sinop, Colíder e em Belém, no Pará. A PF ainda procura mais aviões em território mato-grossense.
 
Através de investigações iniciadas há cerca de um ano e meio, a Polícia Federal descobriu que cargas de entorpecentes estavam sendo levadas por aviões à fronteira do Mato Grosso com a Bolívia. A droga ficava escondida em áreas rurais até ser transportada para as cidades em que era vendida, em Mato Grosso e em outros Estados.
 
A ação da polícia recebeu o nome de Touro Branco devido à expressão usada por traficantes em negociações. Para despistar a polícia, eles se referiam à droga como "touro branco", na tentativa de simular a compra e venda de gado.

 

 

Jonas Jozino

Comentários

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário