15/12/2014 - O Vale do Araguaia continua esquecido

grande volume de chuvas dos últimos dias tem deixado os municípios do baixo Araguaia em estado de alerta. Vários trechos das BRS 158, 322 (antiga 080), e asMTS 242, 430 e 437 entre outras vias de acesso tão importantes desta região promissora estão quase intransitáveis em determinados trechos.

Em diversos lugares a água empoçada na pista e os grandes atoleiros tem impedido a passagem de carros de passeio, há facilidade PARA veículos altos. Muitos usam um desvio para fugir destes trechos, porém essa alternativa também já está se tornando inviável, em virtude de se transformar atoleiro também.

Com a dificuldade de acesso, alguns municípios da região ficaram na última semanaparcialmente ilhados. Empresas que fazem transporte de cargas e passageiros por essas rodovias, afirmam que a situação está delicada.

Hoje 14 de dezembro já esta muito difícil trafegar, daqui por diante a tendência é piorar em decorrência das chuvas previstas PARA os próximos meses no Araguaia, e podem comprometer ainda mais a situação.

Obras – As obras de pavimentação asfáltica inseridas no programa MT Integrado já iniciaram na MT 430 que interliga o município de Santa Cruz do Xingu ao município de São Jose do Xingu. Por volta de 15 km foram concluídos, porém, a espessura da cobertura asfáltica é baixa (casca de ovo), e os trabalhos tiveram pausa em virtude das chuvas.  

Já na MT 437 interligando São Jose do Xingu ao município de Confresa um trecho de aproximadamente 100 km já foram pavimentados e sinalizados com uma qualidade melhor. Esperamos que este projeto audacioso de pavimentação asfáltica nas MTS visando ligar as cidades a capital do Estado, seja realmente concluído pelo próximo Governo Estadual, pois o Araguaia pede SOCORRO.

 

Fotos: Celso Blemer/Água Boa News

Escrito por Celso Blemer / Água Boa News