16/06/2014 - Duas denúncias de estupro são registradas em Cuiabá envolvendo turistas nesta madrugada

Duas ocorrências de estupro foram registradas, na madrugada de sexta-feira (13) para sábado (14), em Cuiabá, após o jogo entre Chile e Austrália, na Arena Pantanal. Em um dos casos, uma turista estadunidense de 24 anos diz ter sido violentada na casa de uma pessoa que conheceu durante as comemorações após a partida. No outro, uma brasileira teria sido vítima de um chileno.

 

Quanto ao primeiro caso, a embaixada americana foi acionada e tanto vítima quanto seu namorado estão sob os cuidados da missão diplomática. A Polícia Civil de Mato Grosso se pronunciou oficialmente sobre a denúncia por meio de nota à imprensa. A vítima foi atendida pela Delegacia do Turista, acompanhada de representantes da embaixada, passou por exame de corpo delito no Instituto de Medicinal Legal (IML) e depois foi encaminhada ao Hospital Universitário Júlio Muller, para ser medicada.

 

Na delegacia, a turista norte-americana não soube apontar as características do suspeito. Ela revelou que estava dormindo em uma residência, na região do bairro Cidade Alta e acordou ao lado do namorado, também americano, e com um homem cima dela. O namorado da moça disse, de acordo com a PJC, que não viu nada e que despertou com o grito da companheira.

A vítima confirmou que ingeriu bebida alcoólica e a Polícia Civil requisitou exame toxicológico ao IML para averiguar possível consumo de outras substâncias. Várias pessoas foram ouvidas, incluindo o responsável pela casa. A Polícia Civil aguarda resultado dos laudos periciais para prosseguimento das investigações.

Em depoimento, a americana informou que estava acampada em um Camping em Várzea Grande, na Região da Ponte Sergio Motta. A Polícia Civil ofereceu abrigo em uma casa de Amparo, porém, a moça se recusou pois queria ficar hospedada junto com o namorado.

 

Turista chileno

O comando do 10 Batalhão da Polícia Militar confirmou ao Olhar Direto que a divisão atendeu na última madrugada uma ocorrência de estupro envolvendo um turista chileno e que o mesmo foi encaminhado para o centro do turista da Polícia Civil. 

O site de notícias Folhamax divulgou a imagem do suspeito, identificado como Renato Eduardo Castro Sparza, 32. A agressão aconteceu no bairro Santa Helena, em Cuiabá. Segundo o veículo, a vítima, uma jovem de 22 anos, conheceu o turista em uma boate da capital e aceitou sua carona. 

O ataque aconteceu na rua mesmo, no trajeto para o carro do suspeito. A moça resistiu à investida e lutou contra o agressor, que a teria dominado e conseguiu iniciar uma relação sexual à força. Transeuntes ouviram os gritos e conseguiram deter o turista.  

Comentáriios

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário