16/09/2014 - Ponte na MT 431 que liga Vila Rica a Santa Terezinha está em péssimas condições com riscos eminentes de acidente

Uma ponte de madeira no Quilômetro 10 da MT 431 no município de Vila Rica sentido Santa Terezinhaestá em péssimas condições de trafegabilidade e os riscos de acidentes são eminentes.

A rodovia é a principal via que liga os dois municípios e dá acesso à cidade de Santa Terezinha e aos distritos de Antônio Rosa e Lago Grande. A estrada dá acesso ainda às comunidade localizadas na parte leste do município como os projetos Promissão, Beleza e Canta Galo.

Nos últimos anos a rodovia não vem recebendo manutenção necessária para manter a trafego de maneira segura e confiavel, o retrato da situação pode ser visto na situação em que se encontra a ponte.

Os motoristas fazem verdadeiros malabarismo na hora de passar sobre a ponte e ainda precisa contar com ajuda de guias para não cair, as tábuas estão quebradas ou soutas o que aumenta ainda mais o perigo.

A MT 431 é uma rodovia estadual mas a tempos vem sendo esquecida pelos Governos do Estado e do Município. Com toda essa situação quem perde é o cidadão que paga seus impostos e não tem seus direitos garantidos.

No último dia 26 de abril de 2014 aconteceu uma reunião na comunidade São Lourenço, Projeto Beleza, com a presença de autoridades municipais e estaduais e ficou definido que seria feito levantamento e cascalhamento do trajeto com início das obras previsto para o mês de junho de 2014.

Somente agora, meados de setembro, chegaram algumas máquinas para recuperar a estrada más a ponte está sem previsão de concerto. Segundo informações será feito um desvio passando por baixo, sobre manilhas. Em outubro caem as primeiras chuvas e se persistir a situação a tendência é parar o trânsito completamente.

 

 

Eldorado.fm
Vila Rica-MT

Comentários

Data: 22/02/2016

De: moradores conçados de tanto descaso em vila torre.

Assunto: Acidente envolvendo menores.

Na tarde desta quinta feira 18 02 2016.
Menor atropela trabalhador que voltava para casa. O acidente envolvendo o menor de 14 anos que conduzia um veiculo em alta velocidade ao fazer uma curva colidiu de frente com moto queiro que sofreu varias fraturas. O pai do condutor retirou o carro do local do acidente momentos depois .Populares que estavam no local acionaram a ambulancial que não pode levar o rapaz por que já avia sido acionado para atender uma emergencial um caminhão carregado de brita nas proximidades da torre.
O dono da oficina se prototifica a prestar socorro levando o condutor da moto. O que mas causou revolta na população foi o descaso que a escrivão Dulce Maria se negou a registra o boletim de acidente de transito .Com a justificativa que não sabia o nome do pai do menor .sendo que a mesma participa de churrasco na casa dos mesmos.
Hoje ele só feriu amanhã ele vai matar.

Novo comentário