16/10/2015 - Taques ministra palestra em seminário sobre combate à corrupção

Nesta sexta-feira (16.10), o governador Pedro Taques vai ministrar uma palestra no Seminário "Combate e controle da corrupção no Brasil”, no Centro de Eventos Pantanal, em Cuiabá, às 9h. 

O seminário tratará sobre o combate e controle da corrupção no país do ponto de vista das ações, agentes e perspectivas futuras. O evento é realizado pelo Grupo Gazeta de Comunicação em parceria com Instituto Brasiliense de Direito Público (IDP) e IDP Cursos e Projetos e conta com o apoio do Governo do Estado. O seminário terá início às 8h.


Especialista em direito constitucional e ex-procurador da República, o governador Pedro Taques fará a conferência inaugural do evento, abordando as principais medidas tomadas pelo governo para combater à corrupção. O debate será presidido pelo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Gilmar Mendes.


Taques tem tratado o tema da corrupção como um dos pontos centrais da atual gestão. “A corrupção mata. Seja em filas de hospitais, estradas mal acabadas, escolas deterioradas e sem qualidade. Ela simplesmente rouba o futuro de uma geração e por conta disso, nós, o Governo do Estado, apoia toda medida que possa combater este mal da sociedade.”


Desde do início do ano, o governo tem revisado os contratos para que a administração pública possa ser a mais transparente possível. “Nós fizemos questão de revisar todos os contratos firmados na gestão anterior. E em poucos meses, conseguimos economizar mais de R$ 290 milhões. Dinheiro que estava sendo mal empregado ou utilizado de maneira indevida, e que estava fazendo falta para a Saúde, Educação e Segurança Pública”.


O secretário de Estado de Planejamento, Marco Marrafon, também participará do seminário que contará ainda com a presença dos ministros do STF, Ayres Brito; do Superior Tribunal de Justiça, Sebastião Reis, Eliana Calmon e Gilson Dipp; da Advocacia-Geral da União, Luís Inácio Adams e do Tribunal de Contas da União (TCU), André Luis de Carvalho, além do procurador federal Douglas Fischer, responsável pela coordenação da Operação Lava Jato na Procuradoria Geral da República.  

 

 

 

Gustavo Nascimento

Redação/Gcom-MT

 

Comentários

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário