16/11/2015 - Jovem de 21 anos morre após acidente de Moto Cross em Luciara

16/11/2015 - Jovem de 21 anos morre após acidente de Moto Cross em Luciara

Em 22 de fevereiro, de 1994, nascia na cidade de Luciara no extremo Norte do Mato Grosso Luanessa Pereira da Silva. Aos 8 anos de idade despertou o interesse ao futebol, alguns anos se passaram e Luanessa já com 15 anos descobriu outro esporte, esse bem radical, que mais tarde se tornaria sua paixão.

Com espírito esportivo e aventureiro Luanessa começou a praticar Moto Cross em sua cidade natal e através de sua paixão por motos convenceu seus pais a montar uma loja de peças e acessórios para motos na cidade de Luciara. Mesmo não sendo um esporte popular entre as mulheres, Luanessa sempre foi uma das poucas mulheres na região a participar de corridas de Moto Cross, Veloterra e trilhas nos varjões das cidades banhadas pelo Rio Araguaia. Luanessa também foi servidora pública por alguns anos, trabalhando na Prefeitura Municipal de Luciara e sempre bem quista por aquelas pessoas que o conheciam.

Além de pilotar motos e não ter medo de acelerar nas provas que participava, mesmo ainda na categoria amadora, Luanessa sempre conseguia boas colocações. Mais a jovem quis ir um pouco mais além de pilotar motos e resolveu fazer um curso de mecânica para motos, então saiu da pacata cidade de Luciara no inicio de 2015 com destino Goiânia (GO), com o intuito de realizar o curso e se tornar uma profissional na área de mecânica.

Luanessa estudou por sete meses na capital do Goiás, e por não negar as raízes e amar os esportes radicais, fazia questão de participar do evento que acontece todos os anos que é a trilha que reuni motoqueiros de toda região Norte Araguaia e juntos percorrem os varjões das cidades de Santa Terezinha a Luciara em um trajeto de mais de 100 quilômetros, ida e volta.

Em mais uma de suas participações em competições na região Luanessa se inscreveu para participar no domingo dia 8 de Novembro, na cidade de Luciara do Veloterra amador, evento que tinha tudo para ser apenas mais uma competição que a jovem participaria. Em uma bateria com oito competidores Luanessa conseguiu chegar em segundo lugar usando uma moto Honda CRF, sendo classificada para a final da competição, na última bateria durante a segunda volta terminava ali um sonho, Luanessa Pereira da Silva, 21 anos, passou direto em um das curvas da pista sendo arremessada por aproximadamente 10 metros.

No arremesso Luanessa bateu a cabeça e teve traumatismo craniano, foi socorrida e levada para cidade de Goiânia onde passou dois dias internada sobre cuidados médicos mais não resistiu e veio a óbito na última quarta-feira, 11 de novembro.

Luanessa deixou boas lembranças e também uma frase que carregava tatuada em seu próprio corpo, “Vou que vou até onde Deus determinou”, e assim quis o destino, Luanessa não estará mais presente em vida, mais sim nos corações de todos os familiares, amigos e pessoas que o admiravam.

 

 

Eldorado.fm
Israel Monteiro

Comentários

Data: 18/11/2015

De: fernando barbosa

Assunto: luanessa

Saldades eternas

Data: 16/11/2015

De: gomes

Assunto: Acidente de Moto

Estamos comovido com esta notícia.
Perdemos uma grande menina.
Peçamos a Deus que dê força e conforto aos seus pais e irmãos.

Data: 16/11/2015

De: Lindaura Paiva

Assunto: luto em Luciara

Que triste uma este noticia mais peço a Deus que conforte os coraçoes dos familia e dar muita força pra este pai e mae que estao sofrendo

Data: 16/11/2015

De: Mary

Assunto: Acidente no Motocross

O acidente que vitimou Luanessa ocorreu dia 01/11. e ela ficou 11 dias em coma, falecendo dia 11, quarta

Data: 16/11/2015

De: Lizieix Pereira EVangelista Costa

Assunto: Luanessa

Muito triste pois eu sei o que os pais dessa jovem está passando,pois 2 anos atrás também perdir uma filha com 27 anos e não é fácil.

Novo comentário