16/11/2015 - Ministro Patrus Ananias visita São Félix do Araguaia em um encontro com lideranças políticas da região

16/11/2015 - Ministro Patrus Ananias visita São Félix do Araguaia em um encontro  com lideranças políticas da região

O ministro do Desenvolvimento Agrário, Patrus Ananias, visitou na ultima sexta-feira (13), São Félix do Araguaia/MT, localizado 1, 159 km da sede da Capital Cuiabá, pela manhã tomou café com o bispo Dom Pedro Casaldáliga, e participou da abertura do Seminário da Prelazia. Em seguida foi recebido pelo Presidente do Legislativo, Silvio Bento Leal representando o legislativo na Câmara Municipal de São Félix do Araguaia, onde encontrou com lideranças políticas, representante da Empresa Mato-grossense de Pesquisa, Assistência e Extensão Rural (Empaer), representantes do Sindicato dos Produtores Rurais de São Félix do Araguaia, comerciantes, população em geral, produtores rurais e representantes de assentamentos da região para discutir o Projeto de Desenvolvimento Sustentável de Bordolândia, um projeto de assentamento com características diferenciadas por se organizar em torno de uma área coleta de reserva, além de ser um assentamento prioritário do INCRA na fase de implantação.

A visita do ministro foi cercada de expectativa pelo fato da região ser um foco constante de conflitos agrários, como a desintrusão em 2012 da antiga gleba Suiá-Missu, em Alto Boa Vista e São Félix do Araguaia, para a criação da Terra Indígena Marawaitséde, dos índios Xavantes, que resultou no despejo de cerca de 7 mil famílias. À época, a decisão do governo federal foi bastante criticada e até hoje é questionada pelas famílias que deixaram tudo para trás sem qualquer tipo de indenização.

 

Para o presidente do Legislativo, Silvio do Auto Peças é preciso discutir e programar políticas que garantam a permanência das famílias na atividade e possibilitem a sucessão rural, fortalecendo a agricultura familiar. As políticas de acesso à terra (reforma agrária e crédito fundiário) estão engessadas e têm se mostrado ineficazes para atender a nova realidade do campo.

O ministro do desenvolvimento agrário, Patrus Ananias, falou da importância do bispo Dom Pedro Casaldáliga na região, um homem que se dedicou a lutar para que a população mais pobre e os indígenas tivessem consciência de seus direitos e lutassem por eles. Na oportunidade, alguns colocaram sugestão e idéias para fortalecer mais desenvolvimento da agricultura familiar de São Félix e atender a população.

 

Patrus Ananias afirmou que as parcerias podem ser ampliadas, principalmente com a participação de outras instituições que também estão fazendo sua parte na área social. “Nossos programas são supra-partidários e gostamos de observar a crescente presença da sociedade com ações sociais humanitárias que mostram que os recursos são maximizados. Além disso, queremos um Brasil mais humano, solidário, que saia do campo paternalista e atenda à sociedade com políticas públicas que permitam que as pessoas entrem nos programas de acordo com os critérios destes mesmos programas sociais. O Bolsa Família, por exemplo, interage com outros programas, formando um atendimento bem mais humano”, diz Patrus Ananias.

 

Patrus Ananias lembrou que a questão de terras existe desde descobrimento do Brasil e sempre irá existir. “Temos que pensar no futuro do Brasil, nos meninos e meninas de amanhã”, destacou.

 

 

Estaremos disponibilizando mais fotos do evento no Facebook de “O Repórter do Araguaia” https://www.facebook.com/o.reporter.do.araguaia

 

Néia Rondon/O Repórter do Araguaia

Comentários

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário