16/12/2011 - Investigadores da DERF de Barra do Garças, cumpriram Mandado de Prisão Temporária na cidade de Primavera do Leste em desfavor do suspeito pela morte do aposentado Cirilo Alves Mota, vô do Jogador Lorran do Flamengo

 

Os Investigadores da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos DERF de Barra do Garças, 510 km de Cuiabá cumpriram na tarde desta quarta feira 14/12, na cidade de Primavera do Leste/MT, Mandado de Prisão Temporária em desfavor do suspeito Luciano de Oliveira Miltes, conhecido pela alcunha de “Charnuque”, pela prática de latrocínio ocorrido na data de 02/12 do corrente ano, onde vitimou o aposentado Cirilo Alves Mota, 87 anos, vô do jogador Lorran do Flamengo do Rio.
 
O aposentado na ocasião fora encontrado pelo filho da vítima Cleomar Araújo Mota “teté”, pai do jogador Lorran, segundo depoimento do filho da vítima, disse a polícia que ao chegar à residência de seu pai, encontrou o mesmo na posição de bruço sobre a cama. Com ajuda de testemunhas a polícia conseguiu prender a suspeita Elisangela ocorrido na semana passada companheira de “charuque”, que se encontrava foragido. “Charnuque” foi preso pelos policiais na cidade de Primavera do Leste e trazido para esta cidade.
 
“Charnuque” ao ser interrogado pela Autoridade Policial que preside o Inquérito Dr. João de Morais Pessoa Filho, titular da Especializada de Roubos e Furtos, negou seu envolvimento com o latrocínio, disse a polícia que não são verdadeiros as acusações há cerca do crime em relação a sua participação. Disse em seu interrogatório que vive maritalmente com Elisangela há cerca de seis meses aproximadamente, segundo “charnuque” disse a polícia que no dia dos fatos se encontrava próximo ao local conhecido como porto do “baé” sem a companhia de Elisangela.
 
Luciano “Charnuque” contou a polícia em seu interrogatório que foi procurado por Elisangela que se encontrava bastante assustada com as mãos e unhas sujas, e dizia todo instante que não queria fazer aquilo, ou seja, matar o aposentado. “Charnuque”, foi em companhia de Elisangela para a cidade de Aragarças/GO onde passaram o resto da noite nas ruas, disse que deixou Elisangela numa feira com sua mãe. “Charnuque”, ao ser indagado pela polícia sob sua ausência da cidade, disse que teria ido para a cidade de Primavera do Leste de carona a procura de serviço, onde ficou trabalhando como servente de pedreiro, e tinha intenção de ir para Cuiabá para casa de uma tia.
 
O suspeito foi detido pelos Policiais Militares na cidade de Primavera do Leste quando se preparava para viajar para a cidade de Cuiabá, avisado de sua detenção foi recambiado para esta cidade pelos Investigadores da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos, onde cumprirá Prisão Temporária, “Charnuque”, se encontra preso e recolhido na Cadeia Pública a disposição da justiça.
 
 
Texto e redação: Robson Lima/ O Repórter do Araguaia

 

Comentários

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário