17/05/2016 - São Félix do Araguaia se prepara para IV Mostra Socioambiental

17/05/2016 - São Félix do Araguaia se prepara para IV Mostra Socioambiental

A mostra socioambiental já se tornou referência na região, pois nela se demonstra a riqueza e o grande potencial produtivo que vem sendo desenvolvido pelos agricultores familiares, assentados e povos indígenas do Araguaia. A atividade é realizada pela Associação de Educação e Assistência Social Nossa Senhora da Assunção (ANSA) e pela Organização Ecossocial do Araguaia (OECA), com o objetivo de melhorar, cada vez mais, a qualidade de vida desses setores, promover diálogo, reconhecimento e valorização de modos de vida e de produção diferenciados, bem como estimular o consumo saudável e sustentável de produtos extraídos da terra através de técnicas que valorizam a cultura e os saberes locais.

“A mostra é um espaço aberto para divulgar, trocar experiências entres os diversos povos, contribuindo com o desenvolvimento da economia sustentável do município e da região”, explica Ana Lúcia Silva Sousa, da ANSA. A ideia de se realizar uma mostra socioambiental surgiu a partir de atividades da ANSA nos assentamentos como forma de mostrar os trabalhos desenvolvidos, principalmente, na área da produção com a agricultura familiar e grupos organizados com trabalhos artesanais. “Com isso, aproveitamos a oportunidade e inserimos o outro público da ANSA que fica na cidade, clientes do projeto de microcrédito que tem um trabalho interessante, de geração de renda, artesanal e sobretudo familiar”, informa Ana Lúcia.

Para este ano, a IV Mostra Socioambiental apresenta uma vasta programação que inclui exposições dos produtos da agricultura familiar dos assentamentos da região e dos clientes do microcrédito, exposição e troca de sementes e mudas do Cerrado, exposição de trabalhos das comunidades indígenas (Karajá, Xavante e povos do Xingu), e apresentações culturais (musicas, danças, poemas, teatros). O público ainda vai poder saborear os sucos da Araguaia Polpas de Frutas e comida boa e da terra. Além disso, será realizado um seminário que discutirá os efeitos das mudanças climáticas na região.

Desde já, as comunidades da região se preparam para a mostra, que, todos os anos, movimenta um público de mais de 1.000 (mil) pessoas. Este ano, participarão 100 expositores, assentados da agricultura familiar, dos municípios de São Félix do Araguaia, Nova Xavantina, Canarana, Bom Jesus do Araguaia, Serra Nova Dourada, Alto Boa Vista, Canabrava do Norte, Porto Alegre do Norte, Confresa, Vila Rica, Santa Terezinha, Luciara; além de grupos organizados com trabalhos artesanais de São Félix e região e indígenas Xavante da Terra Indígena (TI) Marãiwatsédé e da TI Pimentel Barbosa e Karajá da Ilha do Bananal e da TI São Domingos.

A IV Mostra Socioambiental terá início a partir das 16 horas, na Feira Municipal de São Félix do Araguaia, nos dias 18 e 19 de junho. A ANSA e a OECA contam com a parceria da Prefeitura Municipal de São Félix do Araguaia, das organizações da AXA (Operação Amazônia Nativa – OPAN, Instituto Socioambiental – ISA, Comissão Pastoral da Terra – CPT e Associação Terra Vida -ATV), Empresa Matogrossense de Pesquisa, Assistência e Extensão (Empaer), Funai; Sociedade Inteligência e Coração (SIC), Instituto Sociedade, População e Natureza (ISPN), OI, Misereor e Manos Unidas.

 

 

Por Carla Ninos

Comentários

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário