19/06/2013 - Hospital Santa Rosa conta com nova estrutura na área de anestesia

Pioneirismo e inovação sempre foram conceitos-chave na gestão do Hospital Santa Rosa desde sua fundação. A instituição é TOP of MIND desde 2006, única instituição de saúde no estado do Mato Grosso acreditado Excelência pela ONA – Organização Nacional de Acreditação – e a pertencer como membro titular a ANAHP – Associação Nacional de Hospitais Privados.

O Hospital Santa Rosa trilha o caminho árduo da busca da excelência com o objetivo de se tornar referência na realização de procedimentos de alta complexidade em todo o Estado, para isso, iniciou uma consultoria com a Consultoria e Gestão Einstein em dezembro de 2012 e reestruturou a área de anestesia desde o último dia 1º de junho.

Uma nova equipe foi formada por 13 profissionais, a maioria vindos de São Paulo, especialmente para participar deste novo momento. São médicos experientes em cirurgias de alta complexidade que trouxeram suas famílias para viverem aqui. Além disso, o HSR adquiriu equipamentos de última geração e abriu o Centro Cirúrgico para cirurgias eletivas 24 horas. Foram dois milhões de reais em investimento neste novo formato do serviço de anestesia.

O médico Cássio Henrique de Arruda Régis, responsável pela nova equipe, conta que é cuiabano, mais morou 21 anos na terra da garoa e é credenciado em vários hospitais de São Paulo. “Aceitei o convite para trabalhar no Santa Rosa quando percebi a vontade da Instituição em seguir o modelo proposto pela Consultoria e Gestão Einstein”, enfatizou o anestesista.

 

“Estamos implantando o projeto “Dor Zero” com o objetivo de garantir a prevenção e o alívio da dor e do sofrimento a todos os nossos pacientes”, disse Cássio.

 

“Investimento sério e competente como este permite dizer que não devemos nada aos principais hospitais do país”, completou Régis.

 

Além de todas essas inovações e para atender melhor os seus profissionais, o Centro Cirúrgico iniciou uma reforma que trará um novo conforto médico e uma nova sala de recuperação pós-anestésica. As salas de cirurgia serão reformadas e já foram adquiridos novos focos com Led, bisturis elétricos entre outros novos equipamentos.

 

Roberta de Cássia

Comentários

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário