19/12/2011 - Filho adotivo é preso após bater em mãe idosa

 

Policiais militares do Batalhão do Recreio (31º BPM) prenderam um homem, de 32 anos, suspeito de bater em uma idosa, de 78 anos, com quem ele mora na Barra da Tijuca, zona oeste do Rio, na noite do último sábado (17).
 
Por causa dos sucessivos socos no rosto, Maria Daisy Barreto ficou com hematomas, principalmente no lado direito do rosto. A vítima contou aos policiais que criou o homem, afilhado dela, desde pequeno. Esta seria a segunda vez que ela apanhou dele sem qualquer motivo aparente.
 
Na Delegacia da Barra (16ª DP), a idosa contou que o filho adotivo tem envolvimento com drogas e que até já vendeu objetos de dentro de casa, supostamente para manter o vício. Ainda segundo a vítima, o afilhado está desempregado e pede dinheiro a ela com frequência.
 
Ela passou por exames médicos, inclusive tomografia, no Hospital Municipal Miguel Couto, na Gávea, zona sul da cidade, para checar se havia sofrido alguma fratura.
 
O agressor, de 32 anos, chegou a delegacia dizendo frases sem sentido. Ele se recusou a prestar depoimento, mas foi autuado em flagrante pela lei Maria da Penha e pode pegar até três anos de prisão.
 
 Escrito por R7

Comentários

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário