20/01/2015 - MT vai receber médicos do Programa Mais Médicos

O Ministério da Saúde confirmou na sexta-feira (16-01) que pelo menos mais 45 cidades de Mato Grosso vão receber médicos “cubanos” do Programa Mais Médicos, para atender a rede pública de saúde.

Entre os municípios, estão Confresa, Vila Rica, Ribeirão Cascalheira, Santa Terezinha, Barra do Garças, Bom Jesus do Araguaia, Campinápolis, Canarana e Nova Xavantina, municípios do Araguaia e que tem deficiência de profissionais, tanto é, que Luciara lançou um comunicado para tentar contratar um profissional para o município.

Está sendo instalado também o Provab (Programa de Valorização do Profissional da Atenção Básica) no Mais Médicos e os candidatos às vagas podem escolher entre os benefícios do programa - moradia e bolsa de R$ 10 milp ou um bônus de 10% de pontuação adicional na prova para residência. A estratégia é diversificar o quadro de profissionais no Mais Médicos porque, em geral, o Provab atrai recém-formados.

As inscrições ficam abertas até 29. A previsão é começar as atividades com os profissionais selecionados a partir de março. Serão feitas até três chamadas dos profissionais e o processo todo deve ser concluído até junho.

Lista de cidades do Mais Médicos que devem ter número maior de médicos e que passam a ser inseridas no programa.

Alto Paraguai

Apiacás

Araputanga

Aripuanã

Barão de Melgaço

Barra do Bugres

Barra do Garças

Bom Jesus do Araguaia

Brasnorte

Cáceres

Campinápolis

Canarana

Colíder

Colniza

Confresa

Cotriguaçu

Cuiabá

Dom Aquino

Feliz Natal

Guarantã do Norte

Juara

Juína

Juruena

Mirassol d'Oeste

Nortelândia

Nossa Senhora do Livramento

Nova Bandeirantes

Nova Mutum

Nova Xavantina

Paranatinga

Pedra Preta

Peixoto de Azevedo

Poconé

Primavera do Leste

Ribeirão Cascalheira

Rondonópolis

Rosário Oeste

Santa Terezinha

Santo Antônio do Leverger

São José dos Quatro Marcos

Sinop

Tangará da Serra

Várzea Grande

Vila Rica.

 

 

Escrito por assessoria - edição Clodoeste Kassu/ÁguaBoaNews

Comentários

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário