20/04/2016 - Morte de criança de Bom Jardim pode ter sido em decorrência de estupro

20/04/2016 - Morte de criança de Bom Jardim pode ter sido em decorrência de estupro

A morte repentina desta linda garotinha de 4 anos pode ter sido em decorrência de um estupro em que o principal suspeito é padrasto. O caso aconteceu na cidade de Bom Jardim-GO, a 34 km de MT, e está sendo acompanhado pelo delegado de Aragarças-GO Ricardo Galvão.

Lívia Raquel Nery dos Anjos, 4 anos, deu entrada no Pronto Socorro de Barra do Garças na segunda-feira com febre, hemorragia e dores pelo corpo. Ela não resistiu e faleceu na madrugada de terça-feira (19/4), todavia os médicos desconfiaram dos hematomas da garotinha e chamaram a polícia.

O delegado Herodoto Fontenelle solicitou exames do IML que infelizmente confirmaram que a criança tinha sido vítima de abuso sexual e de tentativa de asfixia mecânica com marcas no pescoço e até mesmo um machucado no queixo. Diante desta situação e como o caso aconteceu em Bom Jardim, Fontenele repassou a investigação ao delegado Ricardo Galvão que efetuou a prisão do padrasto da criança como suspeito.

Apesar de negar o crime, Galvão ressaltou que o suspeito entrou várias vezes em contradição e demonstoru muita frieza pedindo que a polícia provasse alguma coisa contra ele. Os policiais ainda encontraram no celular do padrasto um vídeo onde ele aparece mostrando o órgão genital para a irmãzinha de Lívia.

Na entrevista coletiva (ouça abaixo), Galvão informou que a menina começou a se queixar de dores na sexta-feira da semana passada com hemorragia, febre e dores no corpo. E que foi levada tanto na sexta, como também no sábado no hospital de Bom Jardim e como não melhorou foi então encaminhada ao Pronto Socorro de Barra do Garças na segunda-feira à noite.

 

 

 

Ronaldo Couto

Araguaia Notícia

Comentários

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário