20/06/2013 - NOVA XAVANTINA Apesar da cobrança, reforço policial depende de novo concurso público

O prefeito de Nova Xavantina Gercino Caetano Rosa e o deputado Estadual Baiano Filho (PMDB) se reuniram com o secretário de Estado de Segurança Pública (SESP), Alexandre Bustamante e o comandante Geral da Policia Militar coronel Nerci Denardi para cobrar o fortalecimento do efetivo policial no município.

Segundo Bustamante, o setor de segurança pública atravessa um momento delicado pela falta de contingente. O secretário explicou que a policia trabalha com um contingente de 6,9 mil homens sendo que o ideal seriam 15 mil policiais. Bustamante esclareceu que apenas com a realização de um novo concurso publico será possível trabalhar a redistribuição do contingente. O Governo do Estado já está com o edital pronto aguardando apenas a dotação orçamentária para o lançamento das provas.  

Baiano destacou o comprometimento do governador Silval Barbosa para a estruturação do setor. “Nós precisamos fazer justiça, mesmo com uma situação financeira desfavorável o governador Silval Barbosa está disposto a realizar o concurso porque enxerga e está sensível ao clamor da população”, frisou o deputado Baiano.  

Bustamante explicou que além do numero reduzido no contingente, o Estado ainda sofre desgastes respondendo às demandas judiciais impostas por concursados que exigem a transferência do local de atuação. “Não bastasse todos os problemas que a policia já enfrenta, ainda temos que responder aos processos de algumas pessoas que se aproveitam do sistema, prestam provas em determinados locais se aproveitando de uma concorrência menor e depois judicializam, forçando o estado a transferi-los, no ultimo concursos 58 entraram com liminar, conseguimos quebrar as liminares, como represália todos entraram com atestado medico, isso é inadmissível, que cidadãos são esses”, endureceu Bustamante.

Ainda participaram o vice-prefeito de Nova Xavantina João Cebola, o comandante geral do Corpo de Bombeiros coronel Aderson José Barbosa, o diretor geral da Policia Judiciária Anderson dos Anjos Garcia, o diretor geral da POLITEC Rubens Okada, entre outros.

Naiara Martins

COMENTÁRIOS

Data: 20/06/2013

De: carlos

Assunto: concurso policia militar

vc ta vendo ai né comandante?isso a falta de responsabilidade dos concursados!vamos ver se o MOTO GROSSO,segui outros ´´ESTADOS como abrindo espaço p/pessoas q pensa melhor com IDADE até 30 anos``permitido fazer o concurso da pmmt..

Novo comentário