21/01/2015 - Missa de papa Francisco bate recorde: 6 milhões de pessoas

O papa Francisco acaba de bater um recorde da Igreja Católica: celebrou uma missa para mais de 6 milhões de pessoas em Manila, capital das Filipinas. Segundo as autoridadesda cidade de Manila, cerca de 6 milhões de pessoas compareceram à cerminônia deste domingo (18), enquanto a estimativa do Vaticano é de algo em torno de 6 a 7 milhões de pessoas. Se os números se confirmarem, será a maior missa da história, ultrapassando a celebração do papa João Paulo II em Manila em 1995, que atraiu 5 milhões de pessoas.

O papa chegou ao Parque Rizal, local da celebração, em seu papamóvel e vestindo uma capa de chuva amarela, a mesma que ele usou em Tacloban, Filipinas, quando visitou as vítimas do tufão Hayan no sábado (17). Mesmo com chuva, uma multidão saiu às ruas para acompanhar o papa. Mais cedo, Francisco já tinha atraído uma multidão estimada em 200 mil pessoas na Universidade Católica de Manila, onde ele ouviu a história de duas crianças de rua que foram abandonadas mas depois resgatadas pelo trabalho social da Igreja no país.

Um dos relatos foi feito por uma ex-menina de rua, que perguntou ao papa por que as crianças sofrem. Francisco foi as lágrimas ao dizer que ela tinha sido a única a fazer uma pergunta que ele não tinha resposta. Ao responder, ele defendeu a maior participação das mulheres na sociedade. "Às vezes somos muitos machistas e não deixamos lugar para a mulher, mas a mulher é capaz de ver as coisas com olhos diferentes dos olhos dos homens. A mulher é capaz de fazer perguntas que os homens não conseguem entender", disse, segundo a Agência EFE.

Papa Francisco abraça ex-menina de rua em Manila, Filipinas. Relato da menina levou o papa às lagrimas (Foto: Alessandra Tarantino/AP)

Com a missa deste domingo, Francisco encerrou sua viagem de quatro dias às Filipinas. O arquipélago é um dos países com a maior porcentagem de católicos no mundo. Mais de 80% da população é formada de católicos.

 

 

 

 

Comentários

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário