21/04/2016 - 'Dilma Bolada' na folha do PT - Delação entrega à PF Lista de jornalistas e blogueiros pagos pela campanha de Dilma

Em sua delação premiada no âmbito da Operação Acrônimo, da Polícia Federal, a empresária Danielle Fonteles, proprietária da empresa Pepper Interaviva, admitiu a movimentação de cerca de R$ 58,3 milhões em contas próprias, sendo que parte desse dinheiro foi utilizado para bancar despesas da campanha à reeleição de Dilma Rousseff, em 2014, principalmente o pagamento a blogs favoráveis ao PT contratados para atuar na guerrilha virtual nas redes sociais.O teor da delação foi revelado pela revista IstoÉ deste fim de semana, em reportagem de Sérgio Pardellas, incluindo o detalhe de que o dinheiro que abasteceu o esquema, segundo orientação de Giles Azevedo, assessor pessoal da presidente Dilma Rousseff, foi obtido junto à OAS e à Odebrecht, por meio de contratos fictícios ou superestimados.

Coube a Pepper o pagamento de um pixuleco de R$ 20 mil mensais para o criador do perfil de humor chapa branca “Dilma Bolada”, Jefferson Monteiro. A reportagem lembra que a personagem fazia troça de adversários com a mesma veemência com que exaltava iniciativas e discursos da presidente, até mesmo os mais frugais. Em 29 de outubro do ano passado, o blogueiro jurou à CPI dos Crimes Cibernéticos que não era pago para manter o perfil "Dilma Bolada". 

Uma lista contendo o nome de dezenas de jornalistas destinatários da verba repassada pela Pepper foi entregue por Danielle aos investigadores. Os nomes permanecem guardados a sete chaves, segundo a revista, e podem ensejar outra investigação.

Oficialmente, a Pepper foi responsável pela estratégia de internet da campanha da presidente Dilma em 2010. Na reeleição, em 2014, ficou encarregada de produzir as páginas da candidata do PT no Facebook e Twitter. Pelo trabalho, recebeu R$ 530 mil por mês.

 

 

 

Redação Água Boa News

Comentários

Data: 21/04/2016

De: Luis Gonzaga Domingues

Assunto: luisodomingues@hotmail.com

Essa elite que quer chegar ao poder novamente através do golpe e que inventou as diversas midias ou meio de comunicação e agora querem condenar o uso das mesmas através de terminados segmentos políticos com o objetivo de cercear a população de se manifestar contra o golpe do PMDB e dos outros partidos que corromperam o Brasil desde o período colonial. Eles roubaram as terras indígenas e mantiveram os negros escravos. Ainda querem manter os pobres sob o cabresto do ricos fazendeiros, comerciantes e outros empresários,etc.

Novo comentário