21/05/2012 Xuxa revela ter sofrido abuso sexual na infância

Um drama que a apresentadora Xuxa Meneghel guardou durante anos foi revelado neste domingo: ela sofreu abuso sexual na infância. Como na maior parte dos casos, os agressores eram pessoas próximas: um amigo do pai, que seria seu padrinho, um homem que iria casar com sua avó e um professor. As violências só acabaram quando Xuxa completou 13 anos. A revelação foi feita em entrevista para o quadro “O que vi da vida”, do programa “Fantástico”, da Rede Globo. Muito emocionada, Xuxa chorou durante o depoimento e explicou que o trauma a levou a lutar pelo direito das crianças:

“Nunca falei nada para ninguém porque tinha vergonha, não sabia o que fazer. Se falasse para o meu pai, ele acharia que a culpa era minha, que eu provocava. Deviam ter notado que havia algo de errado; que eu, sempre muito falante, tinha virado uma pessoa calada”.

Leia também:
Xuxa ganha liminar contra Gugu Liberato e pode ganhar R$ 1 milhão
[Blog Em Off] 'Fui abusada várias vezes', diz Xuxa


Segundo Xuxa, o pai dela, Luís Floriano Meneghel, era militar e sempre foi muito ausente e distante. A mãe, Alda Meneghel, de acordo com a apresentadora, era muito amorosa e presente, mas inocente. Tinha que cuidar de cinco filhos e não reparou:

“Eu não tinha experiência, não sabia o que fazer. Me calava porque me sentia suja, errada, achava mesmo que a culpa era minha, das minhas roupas, do meu jeito. Até hoje me sinto culpada. Mas a gente não pode pensar assim. Porque uma criança não sabe o que fazer em uma situação dessa”.

Sem ter dado detalhes sobre a violência nem ter dito em que idade ela começou, a apresentadora foi enfática. Garantiu que, se não tivesse o amor da mãe, teria saído de casa, como fazem muitas crianças que hoje vivem na rua e precisam se prostituir ou roubar para sobreviver.

Na entrevista, Xuxa falou ainda sobre o início de sua carreira como modelo, dos seus amores, do medo de envelhecer. E garantiu que o trauma afetou sua vida afetiva:

“Por que você acha que eu não consigo me casar? Deve ter uma explicação. Talvez eu tivesse que passar por isso tudo para hoje querer lutar por essas crianças. Tenho o sonho de que, um dia, nenhuma criança seja vítima de abuso”, disse, chorando.
 

Comentários

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário