23/09/2015 - Ex-secretário da AL obtém habeas corpus

A 1ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça de Mato Grosso determinou a soltura do ex-secretário de Administração da Assembleia Legislativa, Djalma Ermenegildo, preso desde o dia 21 de julho.

Decisão unânime foi proferida nesta manhã, revogando a prisão de Ermenegildo, que deixará a cadeia sem aplicação de medidas cautelares.

O servidor é acusado de ter extraviado documentos da Assembleia, a mando do ex-presidente José Riva. Todo o acervo poderia ajudar no esclarecimento de fatos investigados pela Operação Imperador, que apura desvio de R$ 62 milhões da Casa de Leis.

 

 

Redação do GD

Comentários

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário