24/11/2014 - Com avô ex-governador, Fábio não crê que nome será peso no mandato

O deputado federal eleito Fábio Garcia (PSB) acredita que carregar o sobrenome do avô, José Garcia Neto, ex-governador e ex-prefeito de Cuiabá, não acarreta em mais responsabilidades na vida pública, pois acredita que os mato-grossenses cobrarão resultados com base nos compromissos firmados durante campanha.

 

Fábio Garcia explica que mesmo pertencendo a uma família tradicional na política, isso não implica em mais cobranças no seu mandato. “O que o eleitor irá me cobrar é trabalho e resultados. Trabalho baseado na ética e na honestidade”, promete.

 

Entre as prioridades do deputado está a destinação de recursos para as áreas da saúde, segurança e infraestrutura, além de melhor divisão dos recursos repassados pelo governo Federal aos municípios. “Vou atender os municípios que hoje carecem de importantes repasses federais, do Pacto Federativo. O dinheiro tem que estar nas cidades, afinal, é nelas que a população está, que precisam de saúde, saneamento básico, asfalto. A divisão do bolo tributário deve ser melhor discutida e distribuída para que os municípios tenham mais autonomia”, afirma. 

 

O socialista afirma também que esse é o momento de trabalhar importantes reformas estruturantes no Brasil, como as tributária e política. Na opinião do futuro parlamentar, é preciso simplifica o Brasil para que o setor produtivo tenha condições de voltar a crescer e ser incluído nesse processo o setor industrial, que, segundo ele, perdeu muita competitividade ao longo do tempo. "Conseguindo a retomada do crescimento, voltaremos a gerar empregos no Brasil e, consequentemente, o desenvolvimento”, finaliza. 

 

 

Gabriele Schimanoski

 

Comentários

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário