24/11/2015 - Caminhoneiro arquiteta roubo, não reconhece comparsa e atira três vezes

24/11/2015 -  Caminhoneiro arquiteta roubo, não reconhece comparsa e atira três vezes

As cinco pessoas presas na tarde desta segunda-feira (23) revelaram que estavam participando do roubo de uma carreta em um posto próximo a Lagoa Trevisan, em Cuiabá. A história é diferente da primeira versão apresentada de possível crime passional. O caminhoneiro teria arquitetado o plano com um dos suspeitos, mas não reconheceu um dos comparsas e acabou atirando três vezes contra ele.

 

De acordo com as informações, os criminosos foram pegar a carreta no posto Trevisan, já que o caminhoneiro tinha arquitetado o roubo do veículo com a quadrilha. Porém, quando o menor, identificado como H.S.A., entrou na cabine, não foi reconhecido pelo homem, identificado como José Miguel da Silva, que reagiu.


O adolescente levou três tiros. Após a confusão, todos os cinco fugiram utilizando um Ford Ka e foram perseguidos pelas policiais Militar, Civil e Guarda Municipal de Várzea Grande. Todos foram detidos no bairro Ipase, próximo ao Aeroporto Internacional Marechal Rondon. Um dos criminosos estava com um ferimento na mão.

 

A intenção da quadrilha era levar a carreta para Pontes e Lacerda e depois, possivelmente, para a Bolívia. O menor, que foi atingido, foi deixado para trás e encaminhado ao Pronto-Socorro Municipal de Várzea Grande (PSMVG). O atual estado de saúde dele não foi informado.

 

 

 

Olhar Direto

 

Comentários

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário