25/02/2011 09h:17 Veja cidades que mais contrataram e as que mais demitiram em janeiro

O Ministério do Trabalho divulgou nesta quinta-feira (24) os dados municipais de criação de empregos formais janeiro de 2011. De acordo com o levantamento, seis dos dez municípios que mais criaram postos de trabalho com carteira assinada foram capitais.

São Paulo lidera, com 20,9 mil vagas - mais de três vezes o número de novos postos criados em Belo Horizonte, a segunda cidade no ranking, com 5,99 mil postos. Excetuadas as capitais, Vacaria (RS) lidera o ranking, com 3,96 mil empregos formais criados em janeiro.

Na outra ponta, Matão (SP) foi a cidade que mais demitiu no mês, com 3,8 mil postos de trabalho formais a menos, seguida por Goiana (PE), que perdeu 2,8 mil vagas. A capital fluminense ficou em terceiro, com 2,7 mil postos formais a menos.

Em todo o país,  foram criados 152.091 empregos com carteira assinada em janeiro deste ano.

Confira abaixo as listas das 50 cidades que mais geraram postos de trabalho em janeiro de 2011 e as 50 que mais demitiram no mês. As capitais estão em negrito.

Cidade                                                                                      Saldo de vagas
(diferença entre contratações e demissões)
São Paulo (SP) 20.953
Belo Horizonte (MG) 5.990
Brasiíia (DF) 4.120
Vacaria (RS) 3.962
Goiânia (GO) 3.581
Curitiba (PR) 2.748
Manaus (AM) 2.684
Franca (SP) 2.458
Sertãozinho (SP) 2.272
Campinas (SP) 2.265
Guarulhos (SP) 2.205
Fraiburgo (SC) 2.155
Caxias do Sul (RS) 1.534
Aparecida de Goiânia (GO) 1.423
Salvador (BA) 1.406
Araraquara (SP) 1.382
Maringá (PR) 1.298
Sao Caetano do Sul (SP) 1.232
Pontal (SP) 1.203
Ribeirão Preto (SP) 1.201
Birigui (SP) 1.172
Anápolis (GO) 1.166
Porto Alegre (RS) 1.146
Maceió (AL) 1.127
Londrina (PR) 1.041
Blumenau (SC) 1.034
Fortaleza (CE) 1.009
Piracicaba (SP) 992
São José (SC) 980
Uberlândia (MG) 960
Sorocaba (SP) 956
Campo Grande (MS) 924
Niterói (RJ) 856
Uberaba (MG) 838
Jundiaí (SP) 817
Jataí (GO) 802
Joinville (SC) 797
Rio Verde (GO) 779
Novo Hamburgo (RS) 756
Cascavel (PR) 718
Sao Bernardo do Campo (SP) 712
Tubarão (SC) 712
Sao José dos Pinhais (PR) 706
Aracaju (SE) 694
Pinhais (PR) 678
Duque de Caxias (RJ) 672
Indaiatuba (SP) 666
Itu (SP) 664
Macaé (RJ) 664
Teresina (PI) 650
Cidade                                                                                      Saldo de vagas
(diferença entre contratações e demissões)
Matão (SP) -3.864
Goiana (PE) -2.834
Rio de Janeiro (RJ) -2.702
Igarassu (PR) -2.362
Caraguatatuba (SP) -1.218
Pelotas (RS) -964
Cruz Alta (RS) -764
Juiz de Fora (MG) -736
Nova Friburgo (RJ) -674
Bebedouro (SP) -592
Paulínia (SP) -531
Ipatinga (MG) -512
Nova Iguaçu (RJ) -473
Parauapebas (PA) -444
São João da Boa Vista (SP) -427
Além Paraíba (MG) -420
Cubatão (SP) -407
Itaí (SP) -375
Ceará-Mirim (RN) -363
Aracati (CE) -329
Rio Branco (AC) -328
Beberibe (CE) -325
Teresópolis (RJ) -318
Várzea Alegre (CE) -314
Mauá (SP) -312
Porto Velho (RO) -299
Sapé (PB) -298
Maracanaú (CE) -297
Porto Nacional (TO) -297
Juazeiro (BA) -296
Sertânia (PE) -279
Natal (RN) -269
Botucatu (SP) -266
Parnaíba (PI) -260
Mossoró (RN) -252
São Luis (MA) -252
Vitoria da Cconquista (BA) -250
Aliança (PE) -232
Macapá (AP) -230
Lucélia (SP) -227
Uruaçu (GO) -226
Itapetinga (BA) -223
Aquiraz (CE) -219
Ferraz de Vasconcelos (SP) -216
Jaguariúna (SP) -212
São Lourenço da Serra (SP) -209
Belém (PA) -208
Casa Nova (BA) -203
Guarujá (SP) -202
Timóteo (MG) -198

 

 

Do G1, em São Paulo