25/02/2015 - Wilson é escolhido líder do Governo Taques; Leonardo atuará como vice

O governador Pedro Taques (PDT) após apoiar e eleger um tucano à presidência da Assembleia, optou por escolher outro tucano para ser o líder do Executivo no próprio Legislativo. Trata-se de Wilson Santos, que retorna ao cargo de deputado pela segunda vez, após ter sido prefeito de Cuiabá e deputado federal.

Como principal porta-voz do Palácio Paiaguás, Wilson tem a missão de não só reconstruir a unidade da bancada, uma vez que ocorreram divergências por causa da eleição da Mesa Diretora, mas também de viabilizar a aprovação de vários projetos de interesse do Executivo, muitos deles considerados impopulares. 

Como vice líder do Governo na Assembleia, Taques escolheu o médico Leonardo Albuquerque, do mesmo PDT do governador. Entre as justificativas, o pedetista argumenta ter amizade pessoal e afinidade política com Wilson, o considera um bom articulador e que carrega uma boa oratória.

Segundo o tucano, a decisão da liderança estava dividida entre ele e o médico Leornado, e somente foi tomada uma hora atrás. Wilson afirma que atende ao apelo de Taques, aceitando ser líder do Governo no Legislativo. Quanto à relação com os demais parlamentares, o tucano ressalta que a vida inteira foi um homem de diálogo e, por isso, não terá dificuldades para dialogar com os deputados, sejam da base governista, como os não alinhados com o Palácio Paiaguás. 

Wilson ainda destaca que a prioridade agora é garantir a aprovação da reforma administrativa, entregue ontem (23) pelos secretários, e reforça que concorda com a necessidade de se instalar CPI para investigar as irregularidades na execução das obras do VLT. Neste sentido, diz que não tomará iniciativa, mas que apoiará a causa. "Em 30 anos de vida pública, nunca exerci a função de líder do Governo. O presidente Guilherme Maluf foi meu líder na Câmara de Cuiabá, vou aprender com ele", conclui.

 

 

 

Comentários

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário