25/04/2016 - CARAVANA DA INTEGRAÇÃO - Governo vislumbra eixo turístico entre Mato Grosso e Chiquitanos

25/04/2016 - CARAVANA DA INTEGRAÇÃO - Governo vislumbra eixo turístico entre Mato Grosso e Chiquitanos

A contribuição do turismo para a região Centro-Oeste da América do Sul foi tema central neste sábado (23.04) na Caravana da Integração realizado pelo Governo de Mato Grosso. Já na região Chiquitana da Bolívia, os integrantes tiveram a oportunidade de conhecer mais da cultura local e a possibilidade de crescimento com a criação de um eixo de turismo entre Mato Grosso e o Departamento Autônomo de Santa Cruz.

Para o secretário de Estado de Desenvolvimento Econômico, Seneri Paludo, além do elo econômico, a Caravana da Integração também oferece outras possibilidades para o desenvolvimento, destacando o turismo como uma delas. 

“Nós temos a intenção de fazer um elo comercial entre Mato Grosso, Bolívia, Peru e Chile, mas também há outras oportunidades, como pudemos observar neste sábado. Durante todo o dia nós tivemos oportunidade de conhecer lugares que, como no Sul do Brasil, foram colonizados por jesuítas e aqui encontramos estruturas muito mais bem conservadas. Então, sem dúvidas nenhuma essa região também contribuir como um novo elo de turismo através da pavimentação da rodovia”, disse.

Ao conhecer o patrimônio histórico da região Chiquitana, que possui igrejas e peças tombadas como patrimônio histórico da humanidade, algumas das construções sendo do século 16, o governador Pedro Taques falou da importância de manter conservado o patrimônio histórico. 

“Nós viemos de longe, mas a nossa esperança nos une. Mato Grosso defende a ligação entre San Matias a São José de Chiquitos. Conversaremos com organismos internacionais para que esta ligação seja concretizada”, afirmou o mato-grossense. 

O governador de Santa Cruz, Ruben Costas Aguilera, lembrou do potencial turístico de Mato Grosso, que teve oportunidade de conhecer durante a Feira Internacional de Turismo do Pantanal (FIT). Para ele, está é mais uma oportunidade de integração do turismo boliviano com o mato-grossense.
 
Riqueza histórica 

Na passagem por San Ignacio de Velasco, San Rafael de Velasco, San Miguel de Velasco e São José de Chiquitos a cultura local foi exaltada nas danças típicas, vestimentas, construções barrocas trazidas pelos jesuítas e mantida de geração em geração até os dias atuais.

 

 

 

Thiago Andrade | Gcom-MT

Comentários

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário