25/05/2016 - Governo do Estado conclui 12 pontes na Transpantaneira

O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Infraestrutura e Logística (Sinfra-MT), concluiu a execução de 12 pontes mistas de aço e concreto na Rodovia Transpantaneira (MT-060), em Poconé, melhorando o acesso de moradores e turistas pela principal porta de entrada ao Pantanal de Mato Grosso.

Ao todo serão construídas 31 pontes nestes moldes, entre o início da Transpantaneira e o rio Pixaim, até o final do primeiro semestre de 2017. São dois lotes de execução avaliados em R$ 12,6 milhões em recursos oriundos do Programa de Desenvolvimento Sustentável do Turismo (Prodeustur), cujos projetos são da Secretaria de Desenvolvimento Econômico (Sedec).

“As obras realizadas por esta gestão buscam fazer a diferença na vida no cidadão. Estas são pontes com um padrão moderno de qualidade, que irão estimular o turismo no Pantanal e contribuir com a qualidade de vida do pantaneiro”, destacou o secretário de Infraestrutura e Logística, Marcelo Duarte, ressaltando a parceira com a Sedec que tem viabilizado o aporte financeiro para as obras.

As primeiras quatro pontes foram entregues pelo governador Pedro Taques, no mês de janeiro em Poconé. O primeiro lote está a cargo da construtora HG3, responsável pela construção de 18 pontes, das quais cinco estão disponíveis para uso e outras 13 se encontram em fase de conclusão.

O segundo lote é executado pela construtora Santa Lúcia, que possui sete pontes já concluídas e outras seis em andamento. A expectativa é que todas as pontes do seu rol de construção sejam entregues até dezembro deste ano.

As construções de pontes na região Pantaneira fazem parte de um pacote de 66 obras rodoviárias do programa Pró-Estradas/ Vale do Rio Cuiabá, conduzido pela Sinfra com custo estimado em R$ 1 bilhão em investimentos. As obras integram também o Programa de Desenvolvimento do Turismo Sustentável (Prodestur), estratégia desenvolvida pela Sedec voltada a investimentos em infraestrutura para fomentar a cadeia produtiva do turismo.

 

 

 

Ruan Cunha | Sinfra-MT

Comentários

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário