26/01/2016 - Governador monta força-tarefa para ajudar municípios alagados: "Tragédia

26/01/2016 - Governador monta força-tarefa para ajudar municípios alagados: "Tragédia

O governador Pedro Taques (PSDB) determinou a criação de uma força-tarefa para auxiliar os municípios que estão em situação de emergência por conta das fortes chuvas que atingiram as cidades. Vila Bela da Santíssima Trindade e Pontes e Lacerda já declararam situação de emergência. Porto Espiridião já deu início ao processo e também deve seguir o mesmo caminho.

No último domingo (24), o governador sobrevoou algumas das áreas alagadas e foi conferir de perto a situação nos três municípios supracitados. Taques estava acompanhado dos secretários de Infraestrutura, Marcelo Duarte, de Cidades, Eduardo Chiletto, e de Assistência Social, Valdiney Arruda. ”Neste momento difícil, é fundamental que o Estado atue rapidamente, de forma estratégica e integrada, para que nenhum mato-grossense fique para trás”, afirmou o chefe do Executivo.
 
Pontes e Lacerda e Vila Bela já decretaram a situação de emergência. O mesmo será oficializado nos próximos dias para 
Porto Espiridião. “Estamos tratando de decretar situação de emergência nos municípios e, principalmente, cuidando da distribuição de água e alimentos para as famílias desabrigadas. Já enviamos ao local cestas básicas, água, colchões e cobertores”, explicou o governador.
 
Até agora, são cerca de 40 famílias desabrigadas em Porto Esperidião e Vila Bela da 
Santíssima Trindade, enquanto em Pontes e Lacerda centenas estão ilhadas em diversas comunidades. O isolamento deve-se pela destruição de 14 pontes nas três cidades e outras 35 danificadas, sendo que 14 estão totalmente intrafegáveis em Pontes e Lacerda. A Defesa Civil do Estado continua no local auxiliando os moradores. O helicóptero do Ciopaer (Centro Integrado de Operações Aéreas) também continua na região até quarta-feira (27).
 
Participam da força-tarefa: membros da Casa Civil, Casa Militar, Secid, Seduc, Sesp, Setas, Sinfra e do
Gabinete de Comunicação. O Núcleo de Ações Voluntárias, coordenado pela primeira-dama Samira Martins, também irá colaborar com doações aos desabrigados. “A Defesa Civil está desde o início dessa operação nas três cidades, agora somamos outras entidades para auxiliar no que for preciso às famílias. Não interessa o número de pessoas, sabemos que há mato-grossenses que precisam de ajuda e nós estamos aqui”, pontuou Taques.
 
“Cuidaremos de concentrar novos esforços do 
Estado para auxiliar as vítimas desta tragédia. Buscaremos também, por meio do Núcleo de Ações Voluntárias, doações para os desabrigados. Não vamos descansar até que a situação se normalize”, garantiu Pedro Taques. O Corpo de Bombeirostambém está no local dando apoio aos desabrigados.

 

 

 

Da Redação - Wesley Santiago

Comentários

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário