26/02/2015 - Cerca de 250 celulares são apreendidos com casal de empresários na Capital

26/02/2015 - Cerca de 250 celulares são apreendidos com casal de empresários na Capital

Cerca de 250 aparelhos celulares de última geração foram apreendidos com um casal, proprietários de uma Assistência Técnica na Capital, em uma ação da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos (Derf), da Polícia Judiciária Civil, na manhã desta quarta-feira (25.02). Os acusados, Bruno Macedo Amorim, 26, e Samantha Evelin Neves de Oliveira, 21, foram autuados em flagrante pelos crimes de receptação qualificada e corrupção de adolescente.

Os acusados são proprietários da loja de assistência técnica de aparelhos de celular “Central Celular”, na Praça da Maria Taquara em Cuiabá.

Segundo as investigações, os dois são considerados um dos maiores comerciantes de telefones celulares oriundos de crimes. Eles receptavam os aparelhos celulares roubados e furtados e ocultavam na própria residência, com objetivo de dificultar as ações policiais e de fiscalização, e depois procediam com a revenda da mercadoria ilegal.

 “O cliente chegava à loja de assistência técnica para consertar o celular e era convencido pelos acusados a comprar um aparelho de celular novo, sem saber que o aparelho era roubado”, disse a delegada Elaine Fernandes da Silva.

Em buscas na residência do casal, foram apreendidos cerca de 250 telefones celulares, novos dentro da caixa e sem nota fiscal. Os aparelhos das marcas Iphone, Samsung, Sony, são avaliados no mercado em torno R$ 4 mil cada.

De acordo com a delegada, o casal conseguia lucrar por mês cerca de R$ 10 mil revendendo os produtos roubados e furtados. Com a comercialização dos produtos, os acusados já haviam comprado à vista um veículo Honda Civic, e um imóvel em Condomínio fechado.

Durante as investigações, ficou comprovado que os acusados colocavam adolescentes para vender os telefones através do facebook e outros sites de compra e venda. Os menores foram identificados e colaboraram com as investigações.

Diante do flagrante, Bruno e Samantha foram autuados pelos crimes de receptação qualificada e corrupção de adolescente.

As investigações continuam para identificar de onde foram roubados e furtados os produtos apreendidos.

 

Assessoria

 

Comentários

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário