26/02/2015 - Deputada critica Taques, “Em 60 dias de Governo só vi palavras de efeitos”

Na primeira sessão pós Carnaval na Assembleia Legislativa, nesta terça-feira (24) a deputada estadual Janaina Riva (PSD) usou a tribuna para defender seu pai, o ex-deputado estadual José Riva (PSD), preso no último dia 21, pelo Gaeco (Grupo de Atuação Especial Contra o Crime Organizado) por envolvimento em esquema de corrupção dentro da Assembleia Legislativa e criticar o Executivo que ,por enquanto, governa com palavras de efeito.


"Estamos com quase 60 dias da nova gestão estadual e posso afirmar sem medo de errar que palavras de efeito não tapam buracos, não reformam hospitais e não dão conta de segurar a onda de violência que assola Mato Grosso. Só se fala em "auditorias" e "devassas". Nada de "obras" e "projetos". Os dois olhos voltados para o passado, para o Governo que já foi. Sequer uma olhadela ao horizonte que promete a Mato Grosso uma infinidade de oportunidades", criticou.

 

Com relação a prisão de José Riva, ela defendeu o pai e diz confiar na justiça, Deus e Advogados. “Eu jamais deixaria, em momento algum ou em lugar algum, de agradecer pelo pai que tenho. Sabe aquele tipo de pessoa que te ensina a lutar, a crescer, a superar dificuldades? Assim é o meu pai. Seja ele Presidente deste poder, esteja ele sofrendo privação de liberdade, continua sendo meu pai, o homem que terá sempre a minha defesa e o meu amor”, declarou a parlamentar.


Janaina pediu também que os deputados se unam e trabalhem pelo povo de Mato Grosso que os elegeu. Ela reafirmou a intenção de levar adiante a CPI sobre as obras da Copa e sobre o VLT.


"Vamos pensar sim em CPIs, mas com resultados verdadeiros e que realmente gerem algo positivo para a população e para o Estado. Vamos nos unir senhor presidente e deputados, pelo bem comum do povo de Mato Grosso. É um desejo meu que a CPI do VLT e das obras da Copa saiam do papel e resultem no apontamento dos verdadeiros culpados por tudo. Não tenho nada a temer", disse.


A herdeira política de José Riva, citou ainda, uma passagem bíblica que faz menção aos escândalos que envolve seu pai. “Neste aspecto da transparência cito o apóstolo Lucas, que em seu capítulo 8, versículo 17 diz: "Porque não há coisa oculta que não haja de manifestar-se, nem a escondida que não virá a descoberta", pronunciou .

 

Por fim ela discursou que é tempo de olhar pra frente e Governar. “Já é tempo de olharmos para frente, e à frente! Conduzirmos, sem hesitar, a Assembleia Legislativa ao encontro dos mato-grossenses! O que mesmo é que eles esperam de nós? Corrigir o passado para a construção de um novo futuro? Já o estamos fazendo! Fiscalizar o governo, para que saúde, educação, segurança, infra estrutura e tudo o mais ande muito melhor? Pois comecemos a fazê-lo!”, questionou a deputada.

 

 

 

Fernanda Leite|Da Redação