26/03/2012 Araguaia: Prejuízos com a falta de energia ultrapassam R$ 100 mil por hora

 A Rede Cemat é a empresa responsável pelo fornecimento de energia elétrica em todo estado, porém o fornecimento de energia à Região Nordeste do estado de Mato Grosso não está agradando os consumidores devido às constantes quedas na rede elétrica que chegam de surpresa e vêm causando prejuízos principalmente para as empresas de toda a Região Norte Araguaia. 

De acordo com informações apuradas pelo Portal Agência da Notícia no município de Confresa em empresas da cidade os prejuízos são alarmantes. O Gerente da unidade do Frigorífico JBS lamentou os prejuízos causados à companhia, “os prejuízos são incalculáveis pelo fato do gado abatido necessitar de passar pelo setor de corte onde utilizamos a serra elétrica, e infelizmente é preciso aguardar o retorno da energia que dura cerca de 20 min à 01h30min”, explanou o Gerente da Unidade ao Portal Agência da Notícia.

Segundo o Gerente do Frigorífico, a unidade de Confresa paga um valor equivalente a R$ 330 mil mensais para a empresa Cemat, fornecedora de energia elétrica, “Estamos decepcionados com a situação que vem ocorrendo, pois os prejuízos chegam a R$ 50 mil por hora durante o momento que a unidade do frigorífico fica sem energia,” disse João Valdir, diretor do frigorífico JBS.

Outro setor empresarial que leva prejuízos com a falta de energia elétrica no município é o de fornecimento de combustível que fica impossibilitado de usar as bombas para efetuarem o abastecimento, “só aqui no Posto Bege a perda de vendas chega a ser de R$ 5 mil a cada duas horas sem energia”, lamentou o Gerente do Posto Diego Peterson, ao Portal Agência da Notícia. Conforme a Gerência da Empresa de Pavimentação asfáltica de Confresa, os prejuízos provocados pela falta de energia no prazo de duas horas, como ocorreu no último dia 22 de março, chegam a  R$ 5.600,00,  em relação aos contratos de serviços que a empresa deixa de efetuar.

O presidente da Associação Comercial e Empresarial de Confresa, também falou ao Agência da Notícia, e sugeriu que a fornecedora de energia elétrica aja diante da situação que vem ocorrendo com frequência na Região, “as constantes quedas causam prejuízos incalculáveis ao comércio local e também na zonar rural; a Rede Cemat precisa tomar providências diante desse fato, pois acredito que ela tem capacidade pra solucionar o problema”, complementou o presidente da ACEC, João Pereira.

Não bastassem os prejuízos causados à classe empresarial da cidade, a prestação do serviço público de saúde também paralisa tendo além do prejuízo como queima de aparelho utilizado no hospital, pode colocar em risco a vida de cidadãos que necessitam do atendimento público de saúde. “Em uma das quedas de energia já chegou a queimar um de nossos aparelhos cujo prejuízo para administração pública foi em torno de R$2 a R$ 3.000,00, na última queda de energia ocorrida tivemos que cancelar uma cirurgia ortopédica que estava prestes a começar e o atendimento acaba tumultuando, visto que a empresa fornecedora não envia comunicados para que os consumidores se programem antes do fato, as quedas são constantes e chegam de surpresa prejudicando a todos,” explicou a Diretora do Hospital Municipal, Juliana Murano.

O Agência da Notícia conversou com o Presidente da Associação dos Municípios do Norte Araguaia, que avaliou o serviço de fornecimento de energia prestado pela empresa Rede Cemat como péssimo e lento, e ainda sugeriu que medidas de urgência devem ser tomadas. “Além de péssimo e lento o serviço de fornecimento de energia a empresa precisa tomar medidas rápidas para atender o consumidor do Norte Araguaia, pois a capacidade de distribuição de energia está esgotada e é preciso sim aumentar a capacidade de fornecimento da energia elétrica no Araguaia,” disse o Presidente Fernando Gorgen a equipe do Portal Agência da Notícia.

Em entrevista ao Portal Agência da Notícia, nesta sexta feira 23 de março, o Presidente da Assembleia Legislativa do estado de Mato Grosso, Deputado José Riva, disse que irá encaminhar um ofício ao Diretor geral da Rede Cemat , cobrando melhorias no fornecimento de energia elétrica para a Região Norte Araguaia.

 O telefone gratuito da ouvidoria disponibilizado para registro de reclamações nem sempre é possível receber o atendimento no devido tempo, pois a equipe do Portal Agência da Notícia entrou em contato com a ouvidoria da Rede Cemat, através do telefone: 0800 65 11 11 para informar das constantes quedas do fornecimento de energia, porém após aguardar 45 min ao telefone e não ser atendido, nossa Equipe desistiu de aguardar o atendimento.

Tentamos contato com a Rede Cemat em Cuiabá, mas até o fechamento desta matéria não obtivemos retorno.

 

Fonte:Agência da Notícia

Comentários

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário