26/11/2015 - Regional de Água Boa terá Força Tática e canil

26/11/2015 - Regional de Água Boa terá Força Tática e canil

A população de Água Boa e comunidades vizinhas passam a dispor de um Pelotão da Força Tática e um canil com cães farejadores. Na próxima sexta-feira (27.11) o comandante geral da PM-MT, coronel Zaqueu Barbosa, vai instalar os dois serviços especializados na sede do CR-13 (Comando Regional).

Policiais que integram a nova unidade da Força Tática e o policiamento com uso de três cães foram capacitados no Batalhão da Rotam (Ronda Ostensiva Tática Móvel ), em Cuiabá.  Zaqueu destaca que a instalação dessas unidades e de outras em diferentes regiões de Mato Grosso só está sendo possível com o aumento do efetivo, uma ação que faz parte da política de melhoria da Segurança Pública do Governo do Estado.

O tenente-coronel Jorge Luiz de Magalhães, comandante do CR-13, afirma que os dois serviços representam um grande reforço às ações da Polícia Militar em todas as áreas. O coronel cita como exemplo o emprego da Força Tática no enfrentamento aos crimes de maior potencial ofensivo, como assaltos, rebeliões, entre outros.

Já os cães treinados são fundamentais no combate ao tráfico de drogas, pois localizam com eficiência o local onde a droga está sendo transportada ou o tráfico dentro dos presídios. Segundo o tenente-coronel Jorge Luiz, Água Boa tem um presídio estadual com cerca de 500 detentos.

Na passagem por Água Boa, o coronel Zaqueu Barbosa também está convidado a participar da solenidade de homenagem Moção de Aplausos que a Câmara de Vereadores vai entregar aos policiais que frustraram a tentativa de assalto ao Banco Sicredi, em Bom Jesus do Araguaia, em maio deste ano.
 
Orientação Técnica 

Nesta quarta e quinta-feira (25 e 26/.1), o comandante geral da Polícia Militar, coronel Zaqueu Barbosa, acompanhado de uma equipe do Quartel do Comando Geral(QCG), fará visita de orientação técnica aos comandos regionais de Primavera do Leste (CR XI) e de Rondonópolis (CR IV).

O objetivo dessas visitas é avaliar se a atuação policial está alinhada às diretrizes da Lei de Organização Básica da PM-MT (386/ 10), ou seja, se há unicidade de procedimento. E ainda, verificar ‘in loco’ experiências exitosas que possam servir como referência para o Comando Geral e demais unidade da Polícia Militar.

Nos dois Comandos Regionais, o coronel Zaqueu fará uma fala à tropa sobre planejamento, aumento de efetivo, ações e capacitação em uma espécie de prestação contas da Polícia Militar aos comandos regionais.

 

 

 

Alecy Alves

Assessoria/PM-MT

 

 

Comentários

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário