27/01/2016 - Filho de delegado morre após supostamente ser esquecido dentro de carro em Cuiabá

27/01/2016 - Filho de delegado morre após supostamente ser esquecido dentro de carro em Cuiabá

Uma criança de dois anos de idade, filha do delegado, Geraldo Gezoni Filho, da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa, morreu na tarde de hoje, 26. As primeiras informações são as de que a criança  teria sido deixada dentro do carro, nas imediações de um colégio particular de Cuiabá, na rua Comandante Costa.

O delegado é quem teria encontrado o menino desacordado. O garoto foi  socorrido até um pronto atendimento instalado na avenida 
Barão de Melgaço, mas faleceu. Geraldo Gezzoni era o delegado responsável pelo atendimento de ocorrências na data de hoje. 

A criança, segundo o que foi inicialmente apurado, seria levada para um berçário na tarde de hoje. A assessoria da 
Polícia Civil esclareceu que o delegado encontra-se extremamente abalado pela situação é mais detalhes sobre o caso serão divulgados na quarta-feira, 27. 

O corpo será encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) para posterior liberação a familiares.

Em nota, a Polícia Judiciária Civil de 
Mato Grosso lamentou a tragédia:

“Hoje toda a Polícia Civil está de luto e dispensaremos ao delegado, dr. Geraldo, e sua família, todo apoio necessário neste momento de luto, ressaltando se tratar de um excelente profissional que sempre desempenhou suas funções com dedicação e zelo”, disse o delegado geral da PJC, Adriano Peralta Moraes".

A Polícia Civil informa que foram tomadas todas as providências para apurar as circunstâncias da morte da criança, de apenas dois anos.

 

 

 

Da Redação - Patrícia Neves

Comentários

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário