27/03/2012 - Pague o IPVA de placas finais 4 e 5 sem acréscimos legais até esta sexta-feira

 

Em Mato Grosso, termina nesta sexta-feira (30.03) o prazo para pagamento do Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) de carros com placas finais 4 e 5, sem acréscimos legais (correção monetária, juros e multas).
 
O recolhimento pode ser à vista ou parcelado (em até três vezes), sem desconto. No caso da opção pelo parcelamento, a primeira cota deve ser quitada até esta sexta-feira. 
 
O Documento de Arrecadação (DAR-1/AUT), com o valor para pagamento do imposto, pode ser emitido pelo próprio contribuinte no portal da Secretaria de Estado de Fazenda (www.sefaz.mt.gov.br), no menu IPVA (lateral esquerda da página). 
 
O contribuinte também pode retirar o DAR-1/AUT para recolhimento do IPVA nas unidades informatizadas do Departamento Estadual de Trânsito (Detran/MT). Nos municípios onde não houver unidade do Detran ou, se houver e a unidade não for informatizada, o contribuinte pode se dirigir à Agência Fazendária do seu domicílio fiscal para retirar o DAR-1/AUT. 
 
Entretanto, se o contribuinte emitir o DAR pela internet, a taxa de serviços estaduais é R$ 4,62 (valor vigente no mês de março). Caso opte por retirar o documento no Detran ou nas Agências Fazendárias, a taxa é R$ 23,13 (valor vigente no mês de março). 
 
Os pagamentos relativos ao IPVA, qualquer que seja sua modalidade ou exercício de referência, podem ser efetuados mediante a apresentação do DAR nas instituições financeiras credenciadas. O veículo em atraso do IPVA não pode ser licenciado. 
 
A tabela com os valores médios de mercado de veículos para efeitos de apuração da base de cálculo do IPVA, o calendário de pagamento e outras informações relativas ao imposto para o exercício de 2012 estão disponíveis na Portaria n. 340/2011-Sefaz. 
 
Confira abaixo o calendário completo de vencimento do IPVA para 2012: 
 
Final 1 
O vencimento foi em janeiro. 
 
Finais 2 e 3 
O vencimento foi em fevereiro. 
 
Finais 4 e 5 
Recolhimento em cota única com 5% de desconto - Até 12.03.2012 
Recolhimento em cota única com 3% de desconto - Até 20.03.2012 
Recolhimento integral ou parcelado (sem desconto) - Até 30.03.2012 
Recolhimento integral com multa - Após 30.03.2012 
 
Finais 6 e 7 
Recolhimento em cota única com 5% de desconto - Até 10.04.2012 
Recolhimento em cota única com 3% de desconto - Até 20.04.2012 
Recolhimento integral ou parcelado (sem desconto) - Até 30.04.2012 
Recolhimento integral com multa - Após 30.04.2012 
 
Finais 8 e 9 
Recolhimento em cota única com 5% de desconto - Até 10.05.2012 
Recolhimento em cota única com 3% de desconto - Até 21.05.2012 
Recolhimento integral ou parcelado (sem desconto) - Até 31.05.2012 
Recolhimento integral com multa - Após 31.05.2012 
 
Final 0 
 
Recolhimento em cota única com 5% de desconto - Até 11.06.2012 
Recolhimento em cota única com 3% de desconto - Até 20.06.2012 
Recolhimento integral ou parcelado (sem desconto) - Até 29.06.2012 
Recolhimento integral com multa - Após 29.06.2012
 
Redação 24 Horas News 
O Repórter do Araguaia

Comentários

Data: 27/03/2012

De: observador

Assunto: impostos

estou de acordo, realmente é muita carga tributária se comparado ao salário minímo e o cidadão não tem representantes pra defende-lo, o q existe é muito discursos mentirosos e ea carência de ajuda é tão grande q agente sempre acredita q a bola da vez vai dar certo e sempre é mesma coisa..

Data: 27/03/2012

De: cidadão

Assunto: respeito.

parabéns por este informativo,isso sim é respeito ao cidadão, informar antes de punir, agora pra melhorar basta criar condições pra q a sociedade consigo se legalizar, pois os impóstos são muitos, isso não é segredo pra ninguém, e o cidadão? ele é um HERÓI, porq consegue sustentar sua família, os politico ,a policia , etc ... e quando não sobra pro imposto é punido como bandido...

Novo comentário