27/06/2014 - PRF encerra Operação Copa no estado de Mato Grosso

Encerraram-se nesta sexta-feira (27) as atividades da PRF na Copa do Mundo FIFA 2014 no estado de Mato Grosso. Com as atribuições de garantir a segurança viária, a fluidez no trânsito e o deslocamento eficaz das autoridades que assistiram aos jogos em Cuiabá, cerca de 180 policiais rodoviários federais, somados aos que já atuam no estado, patrulharam as cinco principais rodovias federais. A fiscalização teve como foco as BRs 163/364 por serem consideradas as mais sensíveis devido ao intenso fluxo de transportadores de cargas e por ligarem importantes cidades de Mato Grosso.

No período de 1º a 25 de junho, quase 21 mil veículos e 19 mil pessoas foram fiscalizados pela PRF. Mais de três mil motoristas foram submetidos ao teste de alcoolemia, sendo que em 31 casos foi constatada a presença de álcool no sangue acima do limite permitido, 0,30mg/l, e o condutor foi detido. Outros 70 motoristas sofreram apenas as penalidades administrativas, multa no valor de R$ 1.915,40 e retenção do veículo.

Nas ruas da capital, a PRF foi responsável por 29 escoltas e batedores. Entre as autoridades escoltadas estavam a Chefe de Estado do Chile, o Presidente e o Secretário-Geral da FIFA, o Ministro dos Esportes e o Vice Primeiro-Ministro da Rússia.

Nas rodovias federais, as equipes do cinturão de policiamento e fiscalização atuaram na região metropolitana em conjunto com o efetivo ordinário. O reforço na fiscalização também contou com os policiais e cães farejadores do Grupo de Operações com Cães (GOC) e equipes de Fiscalização de Transporte Internacional, atuando na região de fronteira.

Nesse período, 680 kg de peixes impróprios para o consumo e 121 m3 de madeira irregular foram apreendidos no Nortão. Na região de Cáceres e do Trevo do Lagarto, 225 kg de cocaína foram interceptados pelos agentes da PRF, além de 15 kg de maconha na região metropolitana de Cuiabá.  Desde o início do mês de junho, 82 pessoas foram detidas, 14 veículos recuperados, 71 CNHs recolhidas e três armas foram apreendidas nas rodovias federais que cruzam o estado de Mato Grosso.

Além da atividade operacional, a Operação Copa mobilizou servidores de diversas áreas administrativas para garantir efetivo desempenho da instituição no período do evento. Para o superintendente da PRF em Mato Grosso, Arthur Nogueira, a operação foi um sucesso.  “O planejamento foi executado com louvor e o resultado foi alcançado, uma vez que nenhum acidente ou incidente envolvendo policiais foi registrado. O engajamento e comprometimento do efetivo, do início ao encerramento da operação, foram primordiais. A caravana dos torcedores chilenos entrou e saiu do estado sem nenhuma alteração, as escoltas foram realizadas com expertise e nenhum movimento social de bloqueios de rodovias foi constatado no período. Além disso, a regional recebeu investimentos em equipamentos, viaturas e infraestrutura que serão utilizados no policiamento e fiscalização diários”, concluiu.

 

Prf Nucom

Comentárrios

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário