27/03/2013 - Estado licitará acesso aos Postos Fiscais ainda na 1ª quinzena de abril

Mais uma vez o deputado Estadual Baiano Filho (PMDB) se reuniu nesta segunda-feira, 25.03, com o secretário de Estado de Transporte e Pavimentação Urbana (SETPU), Cinésio Oliveira e o secretário-adjunto da SEFAZ, Vivaldo Lopes para cobrar agilidade no lançamento do edital de licitação das obras de pavimentação das áreas de acesso e trafego dos novos postos fiscais de Barra do Garças.

 

Segundo Baiano, a Secretaria de Fazenda concluiu apenas esta semana a planilha de custos da obra, faltando agora encaminhar o projeto à SETPU que responderá pela execução.  

 

Há exatos 28 dias (27.02), o deputado se reuniu com Cinésio e Vivaldo com o objetivo de definir a dotação orçamentária para a obra. Resolvido que seria executada com recursos da SETPU que teria seu financeiro suplementado pela SEFAZ, restava apenas a conclusão da quantificação dos custos.

 

Segundo a SETPU, a previsão é de que o edital seja lançado ainda na primeira quinzena de abril.     

 

O deputado salientou que tem recebido constantes cobranças por parte da sociedade de barra do Garças e que até mesmo o Ministério Publico tem sido enfático no que tange o início dos trabalhos nos novos locais.

 

“Tenho provocado reuniões, estivemos reunidos no final de fevereiro para definir a fonte orçamentária, agora o estado precisa dar respostas à sociedade barragarcense, temos sido alvo de criticas e duras críticas, mas acreditamos nos trabalhos do Vivaldo e do Cinésio e precisamos aguardar mais um pouco”, concluiu.  

 

RELEMBRANDO - Os novos postos de fiscalização da SEFAZ, localizados na BR-070 saída para Cuiabá e BR-158 saída para Nova Xavantina, substituirão o Posto Fiscal de Pontal do Araguaia, garantindo a passagem de caminhões pelo centro do município sem o transtorno do congestionamento sobre a ponte. Os novos postos fiscais além de mais amplos e estruturados permitirão que os motoristas aguardem pela fiscalização da SEFAZ sem causar congestionamentos e entraves ao fluxo normal do município.



 

Naiara Martins

 

Comentários

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário