28/06/2014 - Em ato, DEM lança 4 candidatos a federal e 14 a estadual - confira lista

O DEM terá 4 candidatos a deputado federal e 14 a estadual. A lista foi finalizada em convenção realizada nesta sexta (27). O deputado estadual e candidato à reeleição Dilmar Dal Bosco, ressalta, contudo, que a prioridade do partido é a eleição majoritária, com Pedro Taques a governador e Jayme Campos reeleito no Senado. A expectativa da sigla é fazer de 2 a 3 deputados estaduais.

 

Conforme Dilmar, a princípio, a proporcional estadual seria chapão, mas agora deve ter duas "frentinhas". Uma formada por PTB, PPS e PSL. Outra por PSC, PV, PSDC, PRB e PRP. Os seis partidos que sobram devem formar um só ou ainda se dividir em dois, sendo eles PDT, PSB, PSDB, DEM, PP. Para deputado federal será feito apenas um chapão.

Cada chapa à estadual pode ter 60 candidatos. Já para federal são 20. A lista com os nomes que vão concorrer ainda pode ser alterada até o dia 4 de julho, quando serão registradas as candidaturas no TRE. De todo modo, para eleger um deputado estadual o quociente eleitoral é de 70 mil votos.

 

Durante o ato de convenção do DEM, ontem, Jayme fez questão de relembrar o bom trabalho que realizou no Senado nos últimos 8 anos, além de ter prestado serviço a Mato Grosso como governador e prefeito de Várzea Grande, segunda maior cidade do Estado. Sendo assim, acredita que será reeleito com vantagem.

 

O irmão, Júlio Campos, por sua vez, aproveitou a oportunidade para criticar o governo de Silval Barbosa (PMDB), apesar de ter deixado legado. Disse que vai ter que responder críticas de gente que não gostou da sua gestão e da população que vê má qualidade nas obras da Copa. No ato, o democrata também se despediu da vida política, dizendo que não vai disputar novo pleito, mas deverá continuar companheiro do partido, tanto que indicou o filho Júlio Neto a ser candidato a deputado estadual. Julinho é empresário e desde abril se desligou da direção da TBO, a fim de evitar problemas com a Justiça Eleitoral.

 

 

Valérya Próspero 

 

Comentários

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário