29/10/2015 - Dilmar Dal Bosco assume presidência do DEM e Jaime Campos será vice

O deputado estadual Dilmar Dal’Bosco vai assumir a presidência regional do DEM, no lugar do ex-governador Julio Campos. O irmão de Julio, o ex-governador e ex-senador Jaime Campos, ficará com a vice-presidência da sigla. O secretário-geral ainda está sendo definido, e deve ficar para prefeito de Primavera do Leste, Érico Piana, ou o ex-prefeito de Alto Garças, Roland Trentini. A convenção será na próxima sexta-feira (30), a partir das 9h, no Centro de Eventos do Pantanal, em Cuiabá.

A intenção do novo presidente é interiorizar o partido. “Estamos colocando diversas lideranças do interior na executiva regional e também no diretório. Antes a direção estava muito concentrada na capital. Queremos valorizar e agregar o interior de Mato Grosso no DEM. Somos o maior partido do estado em número de filiados, com 56 mil. Agora vamos fazer um trabalho de recuperação do DEM em todo o estado”, disse Dilmar.

A escolha de Dilmar como presidente se consolidou após o parlamentar tentar articular sua filiação ao PSDB. Insatisfeito com a pouca atenção recebida da cúpula do DEM nas eleições de 2014, ele havia decidido regressar ao ninho tucano, onde começou sua carreira política.

A decisão provocou reação de Julio Campos, que deu entrevistas condenando o presidente do PSDB, o deputado federal Nilson Leitão, pelo assédio. Atualmente, Dilmar é o único filiado ao DEM eleito em Mato Grosso nas eleições de 2014 e, sem ele, a sigla ficaria sem representação em nível estadual ou federal.

Dilmar acabou entrando em acordo com a cúpula do DEM e decidiu permanecer na sigla. A falta de uma "janela eleitoral" próxima também acabou frustrando os planos de tucanar, já que, como deputado estadual, Dilmar só poderia mudar de partido em março de 2017, de acordo com a reforma eleitoral aprovada no Congresso Nacional. 

“Sempre me senti muito bem no DEM. Não tenho atritos dentro do partido e as dificuldades das últimas eleições serão superadas com o trabalho que estamos fazendo agora, de fortalecimento do partido”, afirmou o deputado.

 

 

 

Da Redação - Laíse Lucatelli

Comentários

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário