30/01/2012 - Polícia Civil prende autor da morte de policial militar de Poconé

 

A Gerência Estadual de Polinter, da Polícia Judiciária Civil, prendeu no início da tarde desta sábado (28.01), o autor da morte do policial militar, Alex Oliveira Suzarte da Silva, de 32 anos, ocorrida no município de Poconé (104 km ao Sul da capital ), no dia 21 de janeiro. O acusado, Edson Antônio da Silva, 32 anos, foi preso em cumprimento de mandado de prisão, em uma chácara na região do Distrito de Cangas, a 80 quilômetros de Cuiabá. A arma do policial também foi encontrada pelos investigadores da Polinter.

 

O soldado Alex Oliveira Suzarte da Silva foi assassinado durante uma luta corporal com um assaltante, que tomou sua pistola e efetuou um disparo contra ele, na região da cabeça. O policial foi morto durante o atendimento de uma ocorrência de roubo, onde houve perseguição aos bandidos.

 

A pistola ponto 40 do policial militar foi encontrada enterrada em outra localidade, no meio do mato, na região da comunidade Mata Cavalo, em Poconé...

 

O chefe da Polinter, delegado Miguel Rogério Gualdas Sanches, disse que na sexta-feira (27.01), a unidade recebeu uma informação de que o suspeito estaria escondido na região e designou uma equipe para fazer buscas.

Após o crime, o delegado de Poconé, Rodrigo Bastos da sia, entrou com pedido da prisão preventiva do suspeito, que foi decretada no dia 25 de janeiro, pela Comarca de Poconé.

O acusado foi autuado em flagrante por posse ilegal de arma de fogo e vai responder também por homicídio qualificado.

Edson Antônio da Silva está na Polinter de Cuiabá e será encaminhado a uma unidade prisional da Capital.

 

 Água Boa News  / O Repórter do Araguaia

Comentários

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário