30/01/2014 - Juiz de São Félix do Araguaia realiza reunião com Indígenas e Fiscais da Secretaria de Estado de Meio Ambiente (SEMA)

Na última terça (28/01) foi realizada na Câmara Municipal de São Félix do Araguaia - MT, uma reunião com o Juiz da 15.ª Zona Eleitoral de São Félix do Araguaia: Dr. Leonísio Salles de Abreu Júnior e contou com participação do coordenador do DSEI, Milton Souza, agentes da SEMA, Capitão-Tenente da Agencia Fluvial da Marinha do Brasil de São Félix do Araguaia - MT, (AA) Silvio César Rocha de Sá, Presidente da Câmara Municipal de São Félix Vereador e Locutor Eurípedes Tavares representantes indígenas e a população geral. O assunto tratou da venda de bebidas alcoólicas para os Indígenas e pesca ilegal durante a piracema.

 

Na reunião os fiscais da SEMA explicaram que o objetivo que trouxeram à cidade de São Félix foi conscientizar os pescadores a garantir a reprodução e desova dos peixes no período chamado de defeso da piracema, onde aceitaram o convite do juiz Dr. Leonísio e contaram com o apoio do SESAI, e do prefeito de São Félix José Antonio de Almeida (Baú), onde receberam todo o apoio que não foi oferecida pelo governo do estado que parece estar pouco preocupado com a cidade de São Félix do Araguaia e cidades vizinha.  Para alguns, falta também mobilização de representantes e entidades do município. Talvez achem que São Félix do Araguaia é uma cidade que não precisa de apoio, é só dar uma passada pelas cidades vizinhas e zona rural e ver o clamor. "Recentemente o governou Silval Barbosa (PMDB) visitou a cidade de São José do Xingu, inaugurou a pavimentação de 47,5 km da MT-437, no distrito de Santo Antônio de Fontoura, fez vistorias na MT-430 sentido Confresa, Vila Rica e assinou o contrato com o Dnit para a pavimentação da BR-158, Santa Terezinha vistoriar a obra de pavimentação da MT-413 (ligação com BR-158), Porto Alegre do Norte, lançou edital de licitação do Hospital Regional, e na cidade de Canabrava do Norte inaugurou as obras da MT-412, em seguida retornou para a Cuiabá. Espera-se que a população de São Félix do Araguaia e cidades vizinhas percebam que estamos em períodos de grandes conquista e ao mesmo tempo enfrentamos abandono total crítico resistindo sabendo-se que nosso município não é diferente dos demais. “Isso é uma vergonha”.

 

Quanto à questão do alcoolismo Dr. Leonísio avalia que continua em alto índice de consumo e favorece a violência levando muitos indígenas ao suicídio, tanto homens quanto mulheres de acordo pesquisas realizadas nos últimos anos. “A reunião, foi mais uma grande conquista para os povos indígenas, tanto do lado de Mato Grosso, na região do Araguaia, quando de Tocantins existe um grande quantidade de aldeias Karajá cuja população tem afinidade, freqüenta os dois territórios e também tem em comum o grande consumo de álcool e drogas. Daí a realização de reuniões envolvendo autoridades e lideranças indígenas dos dois estados são de suma importância, respeitando as diferenças de cada Povo.”, Conclui.

 

Daniel Coxini Karajá achou que foi um momento de interlocução importante para os Indígenas. Mas que também seja levado como espaço de interlocução importante, para o governo. “E é preciso que nós voltemos a nos olhar, não só a Bancada Indígena, mas, sobretudo a Bancada do Governo, o seu compromisso, o seu papel com a questão da educação indigenista. Entendemos que a nossa presidente, vem sinalizando uma abertura muito boa de diálogo para com o Movimento Indígena e nós queremos que a política indigenista, seja de forma levantada no governo federal como algo prioritário”. Finaliza

 

Após criação de normas para coibir o consumo de álcool e drogas nas aldeias da nação Karajá de Mato Grosso e Tocantins, as mortes decorrentes da dependência química continuam ocorrendo nas aldeias da Ilha do Bananal. As medidas foram estabelecidas durante seminário promovido em outubro de 2010 pelo Ministério Público de Tocantins em São Félix do Araguaia, 1.150 km ao nordeste de Cuiabá.

 

 

Fonte: Vanessa Lima/O Repórter do Araguaia

Comentários

Data: 31/01/2014

De: Lago Verde

Assunto: Reunião com os indios

A muito e muito tempo São Félix passa por esse problema o fruto é esse que estamos vendo ai, mas tudo isso é por causa dos descaso se tivessem findo fazendo esse trabalho que este juiz esta propondo garanto que a situação seria outra, não basta criticar e jogar a culpa nos comerciante é preciso uma campanha de educação. Mas eu pergunto cade a prelazia tão preocupa com a causa indigina? Porque será que nunca ou me lembre de um trabalho volta para os indios Karajas neste sentido, me desculpe deve ser que estão preocupado com os Xavante no Posto da Mata.

Data: 31/01/2014

De: Calisto

Assunto: Re:Reunião com os indios

PURA VERDADE!!!

Data: 30/01/2014

De: SANFA

Assunto: Órgãos Federais

É triste e degradante ver a situação em que se encontra a Funai de São Félix do Araguaia. Totalmente apática e improdutiva. Chefe nomeado existe. E o que falta para que os servidores façam jus ao excelente salário que ganham para não fazer nada? Dizer que o governo não da condições, pode até ser em certas situações, mas ficar da forma em que estão suando a camisa somente para ir até ao Banco (que fica na vila) receber os salários, isso é vergonhoso!
Porque não se juntar aos demais órgãos e a própria comunidade. Ir prá aldeia Santa Isabel, Fontoura e outras próximas de São Félix para ensinar, conscientizar, ajudar, fazer mutirão de limpeza, orientar o comércio, punir os indios que são servidores e que estão levando bebida para vender na aldeia, identificar os brancos atravessadores que moram dentro da aldeia, enfim...Usar a criatividade e honrar o salário que ganham em benefício daqueles que estão na extrema miséria e degradação. Órgãos que usufrui mais do que os próprios indios das benesses que o governo proporciona. É triste ver senhoras idosas andando a pé nas ruas de São Félix tentando vender murici/mangaba/artesanato para comprar a comida, (triste em função da idade), outros trocando o peixe pela cachaça bem no nariz das instituições que deveriam zelar por eles. É muito triste ver isso acontecendo com um povo tão rico culturalmente.

Data: 31/01/2014

De: SANFA

Assunto: Re:Órgãos Federais

Concordo com você a FUNAI nem compareceu ou não foi mencionada na reportagem esta fazendo pouco caso com a questão indigerna. Tambem com a imcompetencia do Coordenador Regional de Palmas Cleso que não tem competencia de nomear um Coordenador para a CTL de SFA/MA.
Outra coisa não adianta punir os comerciantes da cidade de são Félix, pois a maioria das bebidas entram transportada por pescadores que pescam na ilha . retireiros que moram na ilha e criam gado, estes legalizados pelo ministerio público Federal/TO.
Nos ultimos relatorios da FUNAI que houve fiscalização no interior da ilha foram apreendidos mais de 60 caixas de cervejas e 202 litros de pinga de diversas espécies, estas em maos de retireiros, e caravanas que pescavam, e junto estavam indios das aldeias Javaé e Karajá. è dificil combater isso ainda mais porque a FUNAI tirou a fiscalização da ilha........

Data: 30/01/2014

De: CARIRIZINHO DE GOIANIA.

Assunto: REUNIÃO COM INDÍGENAS.

ESSA ESTORIA DE NÃO VENDER PINGA PARA ÍNDIOS E ANTIGA, OU ESTÃO DESPOSTO A FECHAR METADE DO COMERCIO DE SÃO FELIX, NÃO QUE OS COMERCIANTE SAIBA QUE ESTÃO VENDENDO PARA ÍNDIO SÓ QUE NÃO FALTA QUEM COMPRE PARA TROCAR POR PEIXE, ATÉ MESMO POR UMA TARTARUGA. ANTES DE APLICAR QUALQUER PENALIDADE AOS NOSSOS COMERCIANTE, QUE SE FASSA UM TRABALHO DE COCIENTIZAÇÃO NOS INDIOS , E DELEGANDO A ELES RESPOSABILIDADADE POR SUA EMBRIAGUES EM CERTOS CASOS ITIMANDO O CHEFE DA AUDEIA A SE EXPLICAR POIS O MESMO TEM RESPONSABILIDA POR SUA GENTE.

Data: 30/01/2014

De: ROSA

Assunto: ESQUECIMENTO E ALCOOLISMO DOS ÍNDIOS E DE MENOR

REALMENTE SÃO FELIZ ESTA NO ESQUECIMENTO E ELES SÓ SE LEMBRARÃO DE NOS NAS POLITICAS E SE ESQUECEM QUE O POVO ESTA FICANDO INTELIGENTE E NÃO VAMOS VOTO NESSES OTÁRIOS QUE SÓ QUER RECEBER O SALARIO,E SOBRE OS ÍNDIOS PORQUE NÃO CRIAR UMA LEI MAS SEVERA PRAS OS COMERCIANTES QUE AINDA VENDEM BEBIDA PRA ELES E PRA OS DE MENOR,PEDEM TODA POPULAÇÃO PRA AJUDAREM A FISCALIZAR EU MESMA SE EU VÊ FAÇO UMA DENUNCIA NA HORA COLOQUE UM TELEFONE SO PRA ESSES ASSUNTOS.

Data: 30/01/2014

De: XXXXXXXXXXXXX

Assunto: XXXXXXXXXXXXX

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do “O Repórter do Araguaia”. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. Comentário vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros e não está relacionado ao tema da matéria. Queira por favor, refazer seu comentário e reenviá-lo sem citar nomes.

Data: 30/01/2014

De: Araguaia

Assunto: Vamos refrescar a memoria do Kalixto.

Kalixto, estou perplexa com seu comentário sobre os índios, se você não se lembra esses índios da foto são do povo Karajá, aqueles que você fez uma nota ao Repórter do Araguaia 28/08/2013, com o seguinte titulo - NOTA OFICIAL/ AOS MEUS IRMÃOS KARAJAS E AO POVO DE SÃO FÉLIX DO ARAGUAIA-MT - 28/08/2013, o senhor mudou de ideia quanto ao que o senhor mesmo publicou? Já que esse comentários vieram de sua pessoa, estou eu aqui para lhe lembrar que essa "indiarada" e esse "bispo comunista" que compõe a população de São Félix do Araguaia, foram eles que lhe acolheram quando vc chegou na região, sem êra e sem bera, sem condições nenhuma e agora quer tirar proveito em cima dele, difamando-os.

Novo comentário