30/01/2016 - Empresário anuncia no face vai se entregar a polícia

30/01/2016 - Empresário anuncia no face vai se entregar a polícia

O empresário Marcelo Souza Delfino Coelho, 39, acusado por receptação de carros de luxo anunciou no perfil no facebook que iria se entregar nesta sexta-feira (29) para a Polícia Civil de Aripuanã (1.002 km de Cuiabá). Ele está foragido há um mês e tem mandado de prisão preventiva em aberto. 

O delegado responsável pelas investigações, Vinícius de Assis Nazário, disse que até o momento ele não se entregou e trabalha com a hipótese da postagem ter sido feita em um perfil falso nas redes sociais. “É fake ou ele tá fazendo piada com a situação dele”.

Segundo Vinícius, Marcelo costuma fazer postagens em seus perfis nas redes sociais ostentando "a liberdade" e até mesmo afrontando os policiais.

“Ele fez uma postagem no instagram de um caixão falando que é para enterrar a língua das pessoas que falam dele. Em outra foto ele mostra diversas chaves de veículos roubados”.

Reprodução PJC 

Em uma postagem, ele diz que a polícia não precisa mais procurá-lo. “A polícia de Aripuanã não precisa me procurar. Sexta-feira estarei me entregando para as autoridades competentes que são vocês, com o meu advogado”. 

O empresário é investigado desde dezembro de 2015 pelo crime de receptação qualificada. A esposa dele chegou a ser presa no dia 6 de dezembro e liberada após pagamento de fiança de R$ 7,8. 

Quando ouvida pelo delegado a mulher disse não saber do paradeiro do marido e que ele teria a mandado ela resolver sozinha a situação.

A Polícia já realizou busca e apreensão de 6 carros de lixo na casa e fazenda do empresário na cidade, mas ele não foi encontrado. O delegado acredita que ele esteja escondido na casa de parentes em outro Estado.

"Estamos investigando o caso. Trabalhamos com a hipótese de ter uma quadrilha por trás do empresário já que os veículos comercializados são produtos de roubo ou furto em Cuiabá ou Várzea Grande". 

 

Jéssica Moreira, repórter do GD

Comentários

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário