30/07/2014 - Campanha de Taques tem 15 ‘baixas’ e crise de confiabilidade; Luciane Bezerra deixará coordenação

Complicou de vez a unidade na aliança entre os partidos que fazem oposição ao Governo. A deputada estadual Luciane Bezerra (PSB), deve abandonar a coordenação da campanha para governador do senador Pedro Taques (PDT) na região noroeste do Estado. O motivo estaria na decisão do grupo em ‘fechar’ com o produtor rural Rogério Salles, do PSDB, como candidato ao Senado Federal, na vaga deixada por Jayme Campos, do DEM, que renunciou alegando deslealdade no grupo.

 

Luciane lutava pela indicação da vaga ao Senado. Mas ela estava, aparentemente, sozinha no projeto. Na verdade, isolada. Segundo fontes ligadas a oposição, a deputada não contava nem mesmo com o apoio do seu partido, o PSB, cujo principal líder, o prefeito Mauro Mendes, de Cuiabá, estaria engajado na campanha do deputado federal Wellington Fagundes, do PR. Mendes foi acusado de ser o pivô da decisão de Campos em renunciar à candidatura à reeleição.

 

Mas Mendes também ‘padece’ na liderança política. Dono do apoio de 22 dos 25 vereadores de Cuiabá, o prefeito não consegue conter a ‘debanda’ de apoio que Pedro Taques tinha no começo do projeto eleitoral.

 

Nos últimos dias Taques perdeu nada mais nada menos que 15 aliados em sua campanha. Nove eram candidatos do Partido Republicano Progressista (PRP). Também saíram os vereadores Leonardo de Oliveira (PTB), Oséas Machado (PSC) e Mário Nadaf (PV), de Cuiabá, além do deputado estadual Antônio Azambuja (PP) e do empresário Alexandre Demarchi (PTB).

 

Dentro da oposição, o prefeito de Primavera do Leste, Érico Piana, também declarou abertamente a sua preferência pelo deputado federal Wellington Fagundes ao Senado Federal. O DEM tentou cooptar o agricultor Gilberto Goellner para disputar a eleição, mas ele não aceitou Além do DEM que tem se sentido preterido, o PP também tem deixado o ‘arco de alianças’. Alguns abertamente como o caso do deputado estadual Antônio Azambuja, mas há sinais de que haverá mais debandada.

 

O ex-prefeito de Juína, Genesio Boer (DEM) afirmou que a coligação não oferece nenhuma ajuda aos candidatos e sentiu falta de firmeza nos propósitos eleitorais: " Conversei com o Pedro Taques uma vez e a conversa não durou nem 10 minutos. Não se ofereceram a me ajudar em nada. Depois que vim para Cuiabá, nunca mais me ligaram. Eu sou da região de Juína e o PSB fez uma reunião na minha cidade e nem me chamaram para participar", indigna-se. "Devem pensar que eu sou um trouxa lá do Nortão".


Para tentar conter a ‘sangria’, o senador Pedro Taques escalou o prefeito Otaviano Pivetta, de Lucas do Rio Verde, para contra atacar com declarações fortes e pesadas contra os alvos. Em entrevista a um site de Cuiabá, o mega produtor rural sustentou que a campanha de Taques “está bem organizada”, ao contrário do que pregava o aliado Percival Muniz, prefeito de Rondonópolis, que denunciou falta de comando. “Está tudo organizado, todo mundo sabe o que fazer. Nunca participei de uma campanha tão criteriosa, com um grupo tão coeso e capacitado” - afirmou para duvidas de muitos.

 

Coube a Pivetta também tentar descaracterizar a ‘debanda’ de apoio sofrida por Pedro Taques, após a decisão do senador Jayme Campos, do Democratas, renunciar a condição de candidato a reeleição, alegando falta de lealdade no grupo. “Quem gosta de bajulação, clientelismo e esmola deve se bandear para o lado do Riva porque essa é a prática daquele grupo” – disse, referindo-se aos apoios declarados ao candidato José Riva, do PSD. Pivetta é apontado, no entanto, como um dos responsáveis pela 'implosão' da Frentinha criada por Taques. 

 

 

 

Edilson Almeida | Redação 24 Horas News

 

Comentários

Data: 30/07/2014

De: DESMOLIERRISON JERRI

Assunto: CAMPANHA

COMO É REPUGNANTE VER TODOS OS SALAFRÁRIOS E LADRÕES DO DINHEIRO PÚBLICO DEBANDAREM PARA O LADO DO RIVA.
OS CORRUPTOS DESTE ESTADO NÃO QUEREM LARGAR O OSSO E PARA ISSO FAZEM TRAIRAGEM ATÉ NA RETA FINAL DA ELEIÇÃO.
TODOS OS DIAS VEMOS ESSAS RAPOSAS VELHAS, SANGUESSUGAS DO PODER IREM PARA O LADO DO BAIXINHO LADRÃO MAIS PROCESSADO DO BRASIL.
PORÉM, SE OS LEITORES AINDA NÃO SABEM, APESAR DO PEDRO TAQUES ESTAR COM SUA BASE FRAGILIZADA, O POVO QUER MORALIZAÇÃO, E ELE AINDA LEVA A DISPUTA NO PRIMEIRO TURNO, HAJA VISTA QUE ESTA COM MAIS DE 50% DAS INTENÇÕES DE VOTO.
AMIGO MATO-GROSSENSE, É HORA DE PENSAR NO FUTURO SEU E DE SEUS FILHOS, E DAR UM BASTA NESSA CORJA DE LADRÕES QUE IMPEDEM DIUTURNAMENTE NOSSO ESTADO DE CRESCER.
VOTO COM A RAZÃO, NÃO VOTE EM LADRÃO.

Data: 30/07/2014

De: cesar

Assunto: Re:CAMPANHA

concordo em gênero, numero e grau. Jerri, é como o Taques diz: para cada mentira falaremos mil verdades.

Data: 30/07/2014

De: Luis Gonzaga Domingues

Assunto: Irmãos

Quanta desinformação desse indivíduo. Será que ele não sabe que foi o senhor Fernando Henrique Cardos juntamente com o tal de Joaquim Barbosa, ministro do STF em Brasília que decidiram pela homologação das terras em nome do Estado Brasileiro. Seria bom dar uma lida nos documentos assinados por esse dois senhores. Além disso, quem mandou desocupar a área foi a Justiça Federal. todos sabiam que as terras eram do povo Xavante. Os fazendeiros falsificaram juntamente com políticos da região escrituras nos cartórios locais e atraíram pessoas pobres para a região com o objetivo de justificar a invasão da terras.

Data: 30/07/2014

De: PATRAO

Assunto: Re:Irmãos

MEU CARO LUIZ GONZAGA DOMINGUES,VC ESTA CERTO QUANDO DIZ QUE FOI FERNANDO HENRIQUE CARDOSO,MAS COMETE UM EQUIVOCO QUANDO AO TAL JOAQUIM BARBOSA, ELE FOI NOMEADO PELO LULA E TODOS NOS SABEMOS QUE O LULA SUCEDEU O FHC,E QUANTOS AS ESCRITURAS FALSAS E OUTRA MENTIRA SUA,TANTO QUE É MENTIRA PORQUE OS TÍTULOS QUE DERAM ORIGEM A ELAS,SÃO MESMO TÍTULOS QUE DERAM ORIGEM AO P.A. MÃE MARIA,ENTÃO AS ESCRITURAS DO P.A.MÃE MARIA TAMBÉM SÃO FALSAS.

Data: 30/07/2014

De: rafinha

Assunto: Re:Irmãos

Respeito o seu posicionamento, mas o senhor não precisa só de ler, e sim de estudar quando diz que o FHC e o Ministro Joaquim Barbosa decidiram pela homologação da Terra Indígena Maraiwatsede. Primeiro, porque não é homologação e sim DEMARCAÇÃO da área. Segundo, sua desinformação e arrogância são tão grandes que na época do Decreto presidencial (anos 90) o atual Ministro Barbosa era Procurador de Justiça no RJ.

Então, Luis Gonzaga, quando eu digo no PT, PSD E PMDB, falo na coligação que governa o País e o nosso Estado. Me diga três obras importantes e concluídas da Dilminha na região do Vale do Araguaia, em 4 anos de mandato. Se não quiser, me fale do LULA em 8 anos, liste apenas três obras. Aproveite e fale do seu governador SILVAL, em 4 anos de vice-governador e 4 de governador. A, ia me esquecendo, fale do seu candidato Riva, mas antes leia a matéria no blog do antero http://www.blogdoantero.com.br/politica/na-gestao-de-riva-carro-da-al-consumia-216-litros-de-combustivel-por-dia/22567

Data: 30/07/2014

De: irmaos

Assunto: okok

BEM, O COMENTARIO ACIMA FOI MUITO BEM LEMBRADO. VAMOS JUNTAR O QUEBRA CABEÇAS:

-LÚDIO É O CANDIDATO DO PT, DA PRES. DILMA, QUE PRESTOU GRANDE APOIO A SUIA MISSU, NAO É MESMO? ELE DARÁ PALANQUE PRA ELA AQUI EM MT. 8 ANOS DE LULA E 4 DE DILMA E SUA GRANDE OBRA NO ARAGUAIA FOI A DESOCUPAÇAO DA SUIA E A FALTA DE ASFALTO NA BR-158. OTIMO CANDIDATO HEIN? -

RIVA, QUE AGORA SURPREENDENTEMENTE QUER SE AFASTAR DO PT, É FILIADO AO PSD, QUE PRA QUEM NAO SABE É PARTIDO QUE APOIA A REELEICAO DA DILMINHA. QUERO VER OS ELEITORES QUANDO O RIVA ESTIVER NO PALANQUE DA DILMA, AÍ EU QUERO VER O DISCURSO OPORTUNISTA DE DEFENDER O ARAGUAIA. MELHOR IMPOSSÍVEL...


Novo comentário