30/07/2014 - Polícia Civil prende diarista que furtada casas de patrões na Capital

Uma diarista de 31 anos foi detida na manhã desta terça-feira (29.07) por policiais da Delegacia Especializada de Repressão a Roubos e Furtos (Derf), de Cuiabá. A suspeita Hadassa Rondon Silva, 31, furtava roupas, joias, sapatos, perfumes e outros produtos de valor da casa, onde era contratada para fazer serviços de limpeza.   Na casa da suspeita, no bairro Shangri-lá, os policiais foram surpreendidos pela quantidade de roupas de marca e ainda com etiquetas, sapatos, bebidas, perfumes. 

 

Foram apreendidos 88 peças de roupas, 4 frascos de perfumes, duas sandálias, 4 litros de whisky, 1 pulseira e 1 uma corrente  douradas com pedras, 2 bolsa de marcas, maquiagens, entre outros.   A investigação conduzida pela delegada da Derf, Nubya Beatriz Gomes dos Reis,  iniciou com registro de boletim de ocorrência de uma das vítimas que teve cerca de R$ 30 mil furtados em roupas de marcas, joias e outros objetos. 

 

A vítima desconfiou que podia ser a empregada doméstica e acabou levando o caso à Polícia.   Outra vítima que também procurou a Delegacia contou que teve um crucifixo de ouro avaliado em R$ 3 mil subtraído. "A partir da investigação pedimos a busca na casa da suspeita, realizada nesta manhã", disse a delegada.   Segundo a delegada, a suspeita que escolhia patrões com dinheiro e com residência de regiões nobres de Cuiabá, está sendo interrogada na Delegacia e irá responder pelo crime de furto qualificado. 

 

 

Redação 24 Horas News

Comentários

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário