30/07/2015 - LEALDADE: Líderes do Araguaia se movimentam para acompanhar governador para novo partido

Lideranças políticas do Vale do Araguaia se articulam para acompanhar o governador Pedro Taque na eventual saída do PDT, o que deve se confirmar nos próximos dias. Ao menos em duas cidades, líderes já anunciaram que seguirão o caminho a ser traçado por Taques.

Em Barra do Garças, até o momento, 50 filiados que deixaram o PDT por divergências com o presidente regional, deputado estadual Zeca Viana, e lideranças que pretendem concorrer às eleições municipais ano que vem, declararam aderir ao partido de escolha do governador.

Na cidade, a ida para a próxima sigla de Taques está sendo coordenada pelo empresário Ubaldino Rezende, destituído da presidência municipal do PDT por decisão de Zeca. O empresário aguardava para esta segunda (27), o anúncio oficial da desfiliação do governador, o que acabou não acontecendo. “O projeto político desse grupo passa pela decisão de Taques. Ele manifestou o desejo de sair do PDT e por uma questão de lealdade, vamos acompanhá-lo”.

Em Água Boa, também existem movimentações para seguir Taques. O médico Mariano Kolankiewicz Filho, principal líder do PDT no município, anunciou que acompanhará o pedetista. Ele justifica que o governador foi o responsável por seu ingresso na política em 2012, quando concorreu à Prefeitura de Água Boa, mas perdeu por 121 votos. Ressalta que acompanhá-lo para a nova agremiação é natural pela ligação política de ambos.

Tanto Mariano quanto Ubaldino almejam concorrer as Prefeituras de Água Boa e Barra do Garças, respectivamente, de olho no apoio do governador e do grupo político.

 

 

Francis Amorim De Barra do Garças

RDnews

 

Comentários

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário