30/09/2014 - Brasília: Após 7 horas de sequestro, suspeito de ameaça terrorista se entrega

O homem que fazia um refém desde as 8h30 desta segunda-feira (29/9) acaba de se render. Algemado ao funcionário do hotel, que retirou o colete com os suspotos explosivos, ele apareceu na sacada de um apartamento com as mãos para cima. A Polícia vai encaminhar o suspeito para a 5ª DP (Área Central). O refém, em estado de choque, será levado para o hospital.

De acordo com os negociadores, Jac de Souza Santos, 30 anos, chegou a pedir uma bandeira do Brasil. A polícia acaba de aumentar o perímetro de segurança nas proximidades do local. Agora, as pessoas têm de ficar a 100 metros do local. A distância foi aumentada por três vezes. Começou em 30m e passou para 60m no meio da manhã.

No momento da invasão, havia 300 pessoas no hotel. De acordo com o cozinheiro-chefe, que não quis dizer o nome, o homem teria feito check-in em dois quartos no 10º andar, por volta das 5h desta segunda-feira. Três horas depois, ele teria invadido o primeiro cômodo. Toda a área próxima ao hotel está interditada. O homem bateu nas portas dos quartos e pediu aos hóspedes que deixassem o hotel, pois era uma ameaça terrorista.

 

 

Escrito por Correio Brasiliense

Comentários

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário