30/10/2015 - Problema com sinal de Internet e telefone continua, Procon Orienta

O rompimento do cabo de fibra óptica da Embratel ainda não foi solucionado nesta quinta-feira (29) por este motivo o fornecimento de sinal telefone e de internet fica comprometido em alguns pontos de Mato Grosso.

O Procon do Estado já está notificando as empresas que tiveram os serviços interrompidos para que realize o abatimento do tempo em que o serviço esteve indisponível na próxima fatura.

A superintendente do Procon Gisela Simona disse que a orientação é aguardar o recebimento da próxima fatura da empresa que fornece internet e telefone para verificar se o abatimento foi realizado. “Caso não seja feito a pessoa deve procurar o Procon com a referida fatura do mês e documentos pessoais”.

Gisela ressalta que a Lei assegura que após 30 minutos de interrupção do sinal o cliente tem direito ao abatimento proporcional no plano contratado em que o serviço estava indisponível.As empresas que tiveram prejuízos devido à interrupção do serviço devem ingressar com processo via judicial ou juizado especial em danos de até R$ 20 mil.

O problema teve início na última terça-feira (27) onde ouve o rompimento do cabo de fibra óptica da Embratel em Cuiabá, em consequência disso, operadoras como a Claro/Net e Vivo também ficaram sem o serviço por algumas horas o que deixou os usuários indignados.

Após dois dias com as linhas de telefone e internet fora do ar, que comprometeu os trabalhos do Call Center e ouvidoria, hoje os serviços foram normalizados na Energisa. O Aeroporto Marechal Rondon em Várzea Grande teve alguns voos cancelados por falta de contato com a central de controle na quarta-feira (28).

 

 

Jéssica Moreira, repórter do GD

Comentários

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário